UM GÊNIO DA MEDIUNIDADE CHAMADO WALDO VIERA,COM O PODER DE LEVITAR, SEGUNDO PALAVRAS DE CHICO XAVIER,UMA VIDA A SERVIÇO DA CIÊNCIA E PESQUISA SOBRE VIAGEM ASTRAL CRIANDO A PROJECIOLOGIA

Waldo Vieira morre aos 83 anos

Biografia do Dr.Waldo Vieira
Ceaec-Foz-do-Iguacu4
Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC), localizado no bairro Cognópolis (também apelidado de Cidade do Conhecimento ou Bairro do Saber)-Foz do Iguaçu

O Professor Waldo Vieira nasceu na cidade de Monte Carmelo no dia 12 de abril de 1932. Ao longo da vida ele acumulou em seu currículo as profissões de lexicógrafo, dentista e médico, consagrando-se também como importante médium brasileiro. Ao completar nove anos ele se dedica a estruturar sua primeira biblioteca.
Já aos 14 anos ele relata pelo menos 50 eventos mediúnicos e se dá conta do valor do desdobramento espiritual, também denominado projeção. Devota-se então à pesquisa deste tema e, aos 17 anos, elabora várias deduções e organiza significativas referências bibliográficas.
Para concluir suas graduações em Odontologia e em Medicina, na cidade mineira de Uberaba, onde reside nesta época, ele trabalha incansavelmente, e ao mesmo tempo cria variados artigos e obras referentes ao Espiritismo. Neste mesmo período, Waldo conhece Chico Xavier, o médium brasileiro mais importante, e desta parceria resultam várias obras, especialmente a saga psicografada do espírito André Luiz, produzida de 1950 a 1960.
De 1959 a 1966 ele reserva um vasto espaço de sua casa para montar sua biblioteca particular, e simultaneamente se esmera na prática da caridade. Em 1966 ele abandona a militância espírita e se converte em estudioso autônomo, fixando-se na cidade do Rio de Janeiro, aí permanecendo até 1978. Um ano depois, ele publica Projeções da Consciência – Diário de Experiências Fora do Corpo Humano.
Em 1996, Waldo concretiza importante doação ao Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC). Em 2001 ele é incluído pelo International Biographical Center, de Cambridge, Inglaterra, no rol dos Intelectuais do Século XXI. Seu tratado mais novo, lançado em 2006, é intitulado Homo Sapiens Pacificus, e é considerado um dos melhores compêndios sobre Cosmoética ou Ética Cósmica.
Há mais de seis décadas Waldo Vieira, médico e odontologista, dedicou-se ao estudo teórico e prático da consciência (ego, self, personalidade) e de suas manifestações fora do corpo humano. Pesquisador participativo, vivencia o fenômeno da projeção consciente desde os 9 anos, entre outras manifestações parapsíquicas. Vieira trabalha voluntariamente no Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC), em Foz do Iguaçu (PR), onde conta com 51 equipes técnicas de pesquisadores voluntários na elaboração da Enciclopédia da Conscienciologia.
Após 28 anos de dedicação ao Movimento Espírita do Brasil, Vieira deixou a doutrina para tornar-se pesquisador independente, com autonomia e liberdade de pesquisa. Em 1986 propôs as ciências Projeciologia e Conscienciologia, sistematizadas nos tratados Projeciologia: Panorama das Experiências da Consciência Fora do Corpo Humano (1986) e 700 Experimentos da Conscienciologia (1994). Escreveu ainda centenas de artigos e 46 livros relacionados à pesquisa da consciência, incluindo os tratados Homo sapiens reurbanisatus (2003) e Homo sapiens pacificus (2007) ambos com 1.584 páginas.
Em 1988, juntamente com outros pesquisadores, fundou o Instituto Internacional de Projeciologia (IIP), transformado em Instituto Internacional de Projeciologia e Conscienciologia (IIPC) em 1994, instituição sem fins lucrativos, voltada ao estudo e à divulgação destas neociências.
Faleceu aos 83 anos devido a complicações de um AVC.Duas semanas antes de seu óbito ele havia realizado uma revascularização do miocárdio, em São Paulo, quando também começou a ser tratado de uma pneumonia, que agravou seu estado de saúde.O médico Waldo Vieira,foi o grande líder e fundador do Instituto Internacional de Projeciologia e Conscienciologia (IIPC), tendo morrido às 17h50 de quinta-feira, 2 de julho de 2015 no Hospital Ministro Costa Cavalcanti, em Foz do Iguaçu. Vieira sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) no dia 26 de junho.O corpo de Vieira foi levado e cremado em Curitiba.
Fonte:https://www.radioculturafoz.com.br/2015/07/03/waldo-vieira-morre-aos-83-anos/
07/07/2015

Prestamos nossa homenagem a Waldo Vieira, que desencarnou na noite do dia 02 de julho de 2015 em Foz do Iguaçu, Paraná.
Waldo Vieira psicografou várias obras, como alguns dos livros da série de estudos de André Luiz, produzidas de 1950 a 1960, em parceria com Chico Xavier.
Já na sua infância Vieira supostamente começa a ter suas primeiras manifestações mediúnicas, tornando-se consequentemente adepto do Espiritismo. Afirma-se que sua primeira projeção consciente ocorrera com 9 anos de idade.

Na juventude se radica em Uberaba, onde se formou em Medicina e Odontologia.

Além dos livros em parceria com Chico Xavier, psicografa sozinho os seguintes livros: Conduta Espírita, de André Luiz (FEB, 1960), Bem-Aventurados os Simples, de Valerium (FEB, 1962), Cristo Espera por Ti, de Honoré de Balzac (IDE, 1965), De Coração Para Coração, de Maria Celeste (FEB, 1962), Seareiros de Volta, de diversos espíritos (FEB, 1966), Sonetos de Vida e de Luz, também de diversos espíritos (IDE, 1966), Sol nas Almas, de André Luiz (CEC, 1964) e Técnica de Viver, de Kelvin van Dine (CEC, 1967).

Waldo Vieira trabalhou como médium de obras importantes adotadas pelo movimento espírita, como o livro “Conduta espírita”, de autoria do Espírito André Luiz, e outras não menos importantes, em parceria com o notável Chico Xavier, como “Evolução em dois Mundos”, “Mecanismos da Mediunidade” e várias outras de autoria de André Luiz, psicografadas por Chico Xavier mas também por Waldo Vieira.

Após ter psicografado e participado de trabalhos ao lado de Chico Xavier, Waldo Vieira, nos anos 80, criou a chamada Conscienciologia e a Projeciologia. Referência mundial em Projeciologia - de experiências fora do corpo -, lançou em 1981 o livro “Projeções da Consciência”, por meio do qual apresenta pela primeira vez publicamente a especialidade. Na mesma época fundou com outros estudiosos o Instituto Internacional de Projeciologia e Conscienciologia.
Era médico e professor, deixou 40 obras, sendo uma delas a "Enciclopédia da Conscienciologia", que possui mais de 20 mil páginas escritas e continua sendo elaborada com a ajuda de pesquisadores do mundo inteiro.
Seu tratado Panorama das Experiências Fora do Corpo Humano, publicado em 1986, ocupa as prateleiras das principais bibliotecas mundiais e oferece 1907 menções bibliográficas universais sobre a Projeciologia, consagrada como ciência a partir da difusão desta obra. Outro trabalho, 700 Experimentos da Conscienciologia, lançado em 1994, consolida a Conscienciologia como disciplina científica.
Em Foz do Iguaçu desde 2000, foi o principal responsável pela criação do Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (Ceaec), que atualmente conta com a colaboração de mais de 800 pesquisadores voluntários. No local, foi criada a Cognópolis, também chamado de Bairro do Saber ou Cidade do Conhecimento, que reúne seis condomínios residenciais, um hotel e 20 instituições de pesquisa.
_____________

Resultado de imagem para waldo vieira

Oceano Vieira de Melo publicou no Facebook interessante suíte de fotos de Waldo Vieira, das quais reproduzimos algumas:
Suite fotográfica do Dr. Waldo Vieira nos tempos em que ele atuava como médium na Comunhão Espírita Cristã de Uberaba, MG, ao lado de Chico Xavier, Dr. Elias Barbosa, Dr. Eurípedes T. Vieira e D. Dalva Borges. As fotos das materializações aqui reproduzidas foram me ofertadas pelo fotógrafo Nedir Mendes da Rocha. As outras fotos desta suite fotográfica foram um presente do querido amigo Dr. Elias Barbosa da C.E.C.






Fontes: 
http://luzesdobem.blogspot.com.br/2015/07/desencarna-waldo-vieirapsicografo.html
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=737729816336857&set=a.379850682124774.1073741825.100002995377122&type=1&fref=nf
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10207544003743048&set=pcb.10207544036743873&type=1&permPage=1

Fonte do Texto:http://www.espiritualidades.com.br/NOT/Not_2015/2015_07_07_Desencarna_Waldo.htm



CONSCIENCIOLOGIA E PROJECIOLOGIA – A CIÊNCIA DA NOVA ERA


estudio-experiencia-fuera-del-cuerpo


O QUE É A CONSCIENCIOLOGIA
A Conscienciologia é a ciência que estuda a consciência – ser, ego, alma, self, princípio inteligente – e suas diversas formas de manifestação. A consciência é você, um ser vivo autoconsciente que se manifesta em outras dimensões fora da vida humana. O termo conscienciologia vem do Latim: conscientia – com conhecimento e do Grego: logos – estudo.
A Conscienciologia estuda a consciência “inteira”, considerando todos os seus corpos, dimensões e existências, em um enfoque integrado. A consciência é a nossa realidade maior, mais do que a energia e a matéria, outras de nossas realidades. Nossa consciência não é o corpo físico nem um subproduto do cérebro humano. Na realidade, podemos nos manifestar além do corpo humano e, portanto, do cérebro. Esse fato pode ser verificado através das experiências fora do corpo.
A consciência pode se manifestar a partir de 4 estados básicos:
  1. Estado consciencial intrafísico. Corresponde ao estado de consciência na dimensão física, imersa na matéria vitalizada do corpo físico.
  2. Estado consciencial extrafísico. Corresponde ao estado de consciência na dimensão extrafísica, após ter desativado o corpo físico (morte biológica) ou antes do renascimento.
  3. Estado consciencial projetivo. Corresponde ao estado de consciência projetado para fora do corpo físico, aquele em que o indivíduo se encontra temporariamente com seus veículos de manifestação em descoincidência.
  4. Estado de consciência contínua. Corresponde ao estado de consciência completamente lúcido, no qual a pessoa percebe todo o processo de separação dos corpos, a soltura do energossoma, do psicossoma, podendo chegar à soltura do mentalsoma ou à projeção mental.
Para se manifestar a partir desses 4 estados conscienciais básicos, a consciência utiliza seu conjunto de corpos, ou seja, o holossoma:
  1. Soma: corpo humano.
  2. Energossoma: corpo energético.
  3. Psicossoma: corpo emocional.
  4. Mentalsoma: corpo mental.
Na vigília física, esses veículos estão coincididos. Na vida não-física (extrafísica), quando estamos projetados ou no estado extrafísico, ocorre a descoincidência entre esses veículos de manifestação consciencial, levando-nos a nos manifestar em múltiplas dimensões, além da dimensão física.
A consciência é multiexistencial. A vida humana atual é apenas uma dentre as várias existências da consciência. Já vivemos muitas vidas no passado e viveremos muitas outras no futuro. Em Conscienciologia, essa série de existências da consciência recebe o nome de seriéxis.
A base de manifestação de todas as consciências é constituída por 3 componentes indissociáveis, a que denominados de PENSENE: a idéia ou pensamento (PEN), a emoção ou sentimento (SEN) e a energia (ENE).
A consciência penseniza o tempo todo, ou seja, elabora pensamentos e emite energias sadias ou patológicas, conforme seu estado consciencial. Assim, interage emitindo e recebendo pensenes, em qualquer dimensão (física ou extrafísica) em que se encontre. Tal fato reforça a importância de conhecer mais a fundo seu padrão de pensamento, para identificar padrões externos e ser capaz de perceber quais os seus pensenes e quais os dos outros com os quais está interagindo. Daí a importância de promover a higienização ou a profilaxia dos próprios pensenes, para manifestar-se de modo mais sadio e maduro no local ou ambiente onde atua.
A partir dessas abordagens de estudo da consciência, a Conscienciologia oportuniza a potencialização de várias posturas prioritárias à evolução:
  1. Entendimento da indestrutibilidade da consciência.
  2. Vivência de emoções e sentimentos racionalizados.
  3. Melhoria da capacidade de discernimento.
  4. Reconhecimento de si próprio como agente catalisador da evolução de todos.
  5. Organização racional das próprias idéias.
  6. Ampliação do nível de originalidade do seu trabalho pessoal.
  7. Obtenção de um nível máximo de desrepressão.
Especialidades
A Conscienciologia, ciência multidisciplinar e multidimensional, exige análise acurada de suas especialidades e sub-especialidades. O quadro sinóptico a seguir, mostra as interrelações dessas especialidades, considerando como critério de ordenação, a abrangência espacial em 6 Ordens Lógicas. A elaboração do quadro sinóptico constitui-se de maneira análoga a um estudo anatômico, através do qual vamos situando espacialmente cada elemento (especialidade) em relação aos outros (partes) e ao todo (Conscienciologia).

QUADRO DE ESPECIALIDADES DA CONSCIENCIOLOGIA
1ª Ordem Lógica2ª Ordem Lógica3ª Ordem Lógica4ª Ordem Lógica5ª Ordem Lógica6ª Ordem Lógica
PensenologiaEvoluciologiaExperimentologiaParabiologiaParabotânica
Parazoologia
ComunicologiaConviviologiaAssistenciologia
ProjeciologiaProjeciografia
Projeciocrítica
Cosmo-análise
ParapedagogiaInfocomunicologia
HolorresomáticaIntrafisicologiaRessomática
Proexologia
Invexologia
Recexologia
Dessomática
ExtrafisicologiaIntermissiologia
Parageografia
Paratecnologia
ParassociologiaConscienciocentrologia
ParacronologiaPara-história
ConsciencioterapiaParaclínicaParaprofilaxia
Parassemiologia
Paraterapêutica
Projecioterapia
ParacirurgiaParanestesia
Parassepsia
Para-hemostasia
Paracicratrização
HolocarmalogiaEgocarmalogia
Grupocarmalogia
Policarmalogia
HolomaturologiaConscienciometriaDespertologia
Serenologia
Cosmoética
HolossomáticaSomáticaSexossomáticaAndrossomática
Ginossomática
Macrossomática
Holochacralogia
PsicossomáticaParagenética
Paraneurologia
MentalsomáticaMnemossomática
Paranatomia
ParafisiologiaParafenomenologiaParapercepciologiaCosmoconscienciologia
Para-regeneração
Parapatologia
Homeostática
PROJECIOLOGIA
A Projeciologia é um subcampo ou especialidade da ciência Conscienciologia, que estuda as projeções da consciência para fora do corpo físico, ou seja, as ações da consciência (ego, self ou personalidade humana) em dimensões não físicas, livre do restringimento do corpo biológico. A ciência Projeciologia também investiga outros fenômenos projeciológicos, tais como: bilocação, clarividência, experiência de quase-morte (EQM), intuição, precognição, retrocognição, telepatia, entre outros. O termo projeciologia vem do Latim, projectio, projeção e do Grego, logos, tratado.
O fenômeno projetivo é relatado desde a Antiguidade nas mais variadas culturas. Vem desde as chamadas iniciações no período Antigo, o culto ao kha do antigo Egito, o homo duplex descrito pelo escritor francês Honoré de Balzac, até a recente denominação, ainda mísitica, conhecida por desdobramento ou projeção astral.
Hoje, denominado de projeção da consciência ou experiência fora do corpo (out of-the-body experience – OBE), por cientistas e pesquisadores, o fenômeno passou a ser estudado de modo científico, propiciando a autopercepção de que é natural e fisiológico, e de que ocorre com todas as pessoas independente de seu conjunto de valores, credo, raça, sexo, idade, classe social e nível cultural, classificando-se como fenômeno universal.
A ciência Projeciologia foi proposta em 1981, a partir da publicação do livro Projeções da Consciência, de autoria do médico e pesquisador Waldo Vieira, projetor consciente desde os 9 anos de idade. Em 1986, Waldo Vieira publica o tratado Projeciologia – Panorama das Experiências da Consciência Fora do Corpo Humano, hoje (2010), em sua 4ª edição, com 1232 páginas e 2040 referências bibliográficas, sendo considerado uma referência internacional sobre o estudo da projeção consciente.
Pesquisas internacionais indicam que a projeção de modo consciente é alcançada e vivida por milhões de pessoas em todo planeta. Todos nós saímos do corpo, normalmente quando dormimos. No entanto, para a maioria da humanidade, falta lucidez durante a experiência extracorpórea e rememoração do fenômeno projetivo vivenciado. Por essa razão, muitos pensam que a projeção não existe. E por não trazerem dela uma lembrança clara, confundem-na com sonhos.
Sair do corpo humano, com lucidez, é a mais preciosa e prática fonte de esclarecimentos e informações prioritárias acerca dos mais importantes problemas da vida, elucidando-nos sobre quem somos, de onde viemos e para onde vamos.
(Waldo Vieira, Nossa Evolução, 1997)
Diferenças entre sonho e projeção
Nos sonhos, assim como no devaneio, imaginação, alucinação, desequilíbrio mental ou distúrbios psicofisiológicos, não temos controle sobre nossas ações. Entretanto, na projeção consciente, atuamos por nossa própria vontade e determinação. Há várias pesquisas evidenciando as diferenças entre a projeção e esses estados alterados de consciência.
Veículos de manifestação
A consciência utiliza vários corpos ou veículos para se manifestar. O corpo humano ou soma é o veículo mais denso, percebido pelos sentidos físicos, quando estamos acordados, durante a vigília, momento em que todos os veículos de manifestação encontram-se em coincidência, encaixados uns nos outros. Durante o sono ou através de relaxamento físico, por exemplo, estes corpos se desencaixam ou entram em descoincidência, possibilitando à consciência, projetar-se para fora do corpo físico e atuar a partir de outro corpo, mais sutil ou menos denso, o corpo emocional ou psicossoma. O corpo físico permanece dormindo, inanimado, vazio de consciência, sendo mantido apenas pelas funções autônomas biológicas. Enquanto isso, a sede da nossa consciência que se encontra no psicossoma, pode atuar livremente, em outras dimensões. Há ainda a manifestação através do corpo mental ou mentalsoma, sinalizando maior nível de lucidez e racionalidade e menos emotividade. A manifestação da consciência é também bioenergética, quando utiliza o corpo energético ou energossoma, responsável pela saúde e vitalidade. Ao conjunto de todos esses corpos (soma, psicossoma, mentalsoma e energossoma) denominamos holossoma.
Durante uma projeção consciente, é comum a pessoa sentir-se flutuando acima de seu corpo físico. Outras vezes, ela é capaz de ver o próprio corpo adormecido no leito. O projetor também pode sentir vibrações agradáveis em todo corpo, sons ou ruídos dentro da cabeça, sensação de queda-livre, incapacidade temporária de mover o corpo físico, sensação de inchar ou inflar como balão e vários outros sinais correlacionados ao fenômeno projetivo.
Tipos de projeções
Quase sempre nossas projeções ocorrem de modo involuntário ou espontâneo, durante o sono natural ou até mesmo durante um simples cochilo. Em outros casos, a projeção consciente ocorre em situações críticas, como é o caso das Experiências de Quase-Morte (EQMs), tipo de projeção forçada, compulsória ou patológica, causada por traumas orgânicos, acidentes físicos e comum a pacientes terminais ou sobreviventes da morte clínica.
A Projeciologia propõe técnicas projetivas para que o interessado obtenha projeções conscientes voluntárias, sadias e planejadas. Esse tipo de projeção oferece maiores índices de lucidez e rememoração, auxilia o indivíduo a desenvolver o autodomínio emocional, a perder o medo da morte, a repensar seus valores, a dinamizar o autoconhecimento e a entender sua real procedência.

IIPC – Instituto Internacional de Projeciologia e Conscienciologia – Educação e Pesquisa
Fonte:https://omundodegaya.wordpress.com/2018/07/14/conscienciologia-e-projeciologia-a-ciencia-da-nova-era/

Biografia Detalhada de Waldo Vieira

Infância, juventude e parceria com Chico Xavier

Já na sua infância Vieira supostamente começa a ter suas primeiras manifestações mediúnicas,[3] tornando-se consequentemente adepto do Espiritismo. Afirma-se que sua primeira projeção consciente ocorrera com nove anos de idade.[4]
Na juventude se radica em Uberaba, onde se gradua em Medicina e Odontologia.[5] Posteriormente tornar-se-ia também médico pós-graduado em plástica e cosmética (ambos em Tóquio, Japão).[6] Quando ainda estudante (1955) conhece pessoalmente o médium Chico Xavier e juntos desenvolvem nos anos 1950-60 trabalho mediúnico em conjunto no centro espírita "Comunhão Espírita Cristã",[2] que fundaram em Uberaba. Tal parceria resulta na publicação de diversos livros e estudos espíritas, mais notadamente em livros psicografados da Série André Luiz. Juntos também exerceram função de médium em sessões de psicografia de cartas e trabalho voluntário de distribuição de mantimentos a multidões de pessoas carentes.[7][8]
Entre 1964 e 1968, o renomado quadrinista Messias de Mello adaptou seis contos psicografados por Vieira e Xavier. As HQs foram republicadas em um álbum em 2011.[9][10]
Em 1965,[11] Vieira e Xavier viajaram para WashingtonEstados Unidos, a fim de divulgar o Espiritismo no exterior. Com a ajuda de Salim Salomão Haddad, presidente do centro Christian Spirit Center, e sua esposa Phillis, estudaram inglês e lançaram o livro Ideal Espírita, com o nome de The World of The Spirits.

Trabalhos solo como médium espírita

Como médium espírita, psicografa sozinho os seguintes livros: Conduta Espírita, de André Luiz (FEB, 1960), Bem-Aventurados os Simples, de Valerium (FEB, 1962), Cristo Espera por Ti,[2] de Honoré de Balzac (IDE, 1965), De Coração Para Coração, de Maria Celeste (FEB, 1962), Seareiros de Volta, de diversos espíritos (FEB, 1966), Sonetos de Vida e de Luz, também de diversos espíritos (IDE, 1966), Sol nas Almas, de André Luiz (CEC, 1964) e Técnica de Viver, de Kelvin van Dine (CEC, 1967).

Estudos da consciência e desligamento do Espiritismo


Alegoria esboçando a projeção da consciência, fenômeno que Vieira estudou durante décadas.
Em 1966 Vieira se muda para o município do Rio de Janeiro, desligando-se do centro "Comunhão Espírita Cristã". Ao mesmo tempo torna-se um dissidente do Espiritismo e decide se dedicar à pesquisa da experiência fora-do-corpo(ou projeção da consciência), fenômeno que considera chave para o desenvolvimento integral da consciência. Torna-se membro de duas das mais importantes organizações de pesquisa parapsicológica do mundo, a estadunidense ASPR (American Society for Psychical Research) e a britânica SPR (Society for Psychical Research).[12]
Em 1979 lança o livro Projeções da Consciência: Diário de Experiências Fora do Corpo Humano, atraindo a atenção dos interessados na Projeciologia, para em 1981 co-fundar o “Centro da Consciência Contínua”, dedicado a pesquisa das experiências fora-do-corpo e estados alterados de consciência. Em 1986 lança o tratado Projeciologia: Panorama das Experiências da Consciência Fora do Corpo Humano,[13] com a primeira edição de 5000 exemplares, distribuída gratuitamente entre pesquisadores e bibliotecas do país e do exterior. O tratado consiste em uma exaustiva pesquisa (mais de 1900 referências bibliográficas de 37 países) que chancela o estudo sério e científico sobre o assunto. Tal tratado fundamenta também os estudos da Projeciologia e Conscienciologia e é considerado hoje a principal obra brasileira sobre projeções da consciência. Ao longo dos anos Vieira também montou uma considerável biblioteca sobre a projeção da consciência e relacionados, incluindo milhares de referências populares e científicas na temática.[1]
Em 1988[14] Vieira co-funda o Instituto Internacional de Projeciologia e Conscienciologia (IIPC) (IIP até 1994),[4] no Rio de Janeiro. Uma organização sem fins lucrativos voltada ao ensino e pesquisa da consciência em abordagem integral da personalidade. Ele também presidiu a instituição entre 1988 e 1999, sendo que no final deste período o IIPC foi reconhecido como instituição de Utilidade Pública Federal (UPF).[15] Em 1994 Vieira publica mais um tratado chamado 700 Experimentos de Conscienciologia. Através deste a Conscienciologia pôde ser descrita de maneira mais detalhada.
Em 2001 Vieira foi incluído na publicação inglesa Who's Who in the 21st Century, editada pelo International Biographical Centre.[16]
Waldo Vieira também é conhecido como um dos maiores colecionadores de histórias em quadrinhos do país e doou sua coleção pessoal para o Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC).[9][10][17]

CEAEC e atividades posteriores

Waldo Vieira passou a residir no Centro de Altos Estudos da Conscienciologia (CEAEC), localizado no bairro Cognópolis (também apelidado de Cidade do Conhecimento ou Bairro do Saber)[5][18][18] em Foz do Iguaçu. Entre outras atividades, se dedicava à produção da Enciclopédia da Conscienciologia e dicionários relacionados ao tema.[19]
Waldo Vieira sofreu um AVC em 25 de junho de 2015, vindo a falecer em 2 de julho de 2015, aos 83 anos, no hospital Ministro Costa Cavalcanti, em Foz do Iguaçu.[20]

Citações

Wikiquote
Wikiquote possui citações de ou sobre: Waldo Vieira

Livros publicados

Ver também

Bibliografia relacionada

Livro com base na pesquisa de Vieira:
  • Gustus, Sandie; Less Incomplete: A Guide to Experiencing the Human Condition beyond the Physical Body, UK: O-Books, 2011. ISBN 978-1-84694-351-5.
Livro biográfico, de abordagem não convencional:
  • Teles, Mabel; Zéfiro: a paraidentidade intermissiva de Waldo Vieira, Editares, 2014. ISBN 978-8-59896-693-9.

Ligações externas


Fonte: Wikipédia