ESPÍRITOS QUE PEDEM BEBIDA E CIGARROS.

Espíritos que pedem bebida e cigarros.
Imagem relacionada
1) As pessoas que se entregam ao vicio da bebida e do fumo passam a atrair a assistência nociva de espíritos desencarnados que também possuem tais vícios, espíritos obsessores.
Cada vicio é uma porta aberta para a influencia negativa de espíritos inferiores e perturbadores do plano astral, para afastar esses espíritos viciosos temos que nos libertar dos vícios torpes da bebida e do cigarro, tudo é uma questão de sintonia no mundo espiritual, os encarnados bons, corretos, honestos, com pensamentos elevados e nobres vão entrar em sintonia com os espíritos de luz, os encarnados maldosos, falsos, picaretas, desonestos, com maus pensamentos e vícios, vão entrar em sintonia com espíritos inferiores e obsessores.
O Bem tem sintonia com o Bem.
O mal tem sintonia com o mal.
Imaginemos uma pessoa que se entrega a bebida, cachaça, cigarros, charutos, ela passa a atrair a companhia de espíritos desencarnados que também gostam da bebida e do fumo, os semelhantes atraindo os semelhantes.
Os espíritos viciosos são Vampiros psíquicos que vampirizam os encarnados que possuem vícios, esses médiuns que trabalham com cachaça e charutos são vampirizados por espíritos que possuem os mesmos vícios.
Os espíritos de luz ou bons espíritos não possuem necessidades matérias e nem apego as coisas mátrias, vamos concluir, que somente espíritos apegados a matéria trabalham com médiuns que usam charutos, cigarros e cachaça.
Eles são canecos vivos ou piteiras vivas para as entidades viciosas do plano astral.
Vejamos uma observação de Ramatis sobre essa questão.
O alcoólatra, seja o que se embriaga com o uísque caríssimo ou o que se entrega à cachaça pobre, não passa de um “caneco vivo”, pelo qual muitos espíritos desencarnados e viciados se esforçam para beber “etericamente” e aliviar a sua sede ardente de álcool.
Todos os beberrões desencarnados vivem à cata de “canecos vivos”, na Terra.
(…) Os espíritos desencarnados e ainda escravos das paixões e vícios da carne – em virtude da falta do corpo físico – são tomados de terrível angústia ante o desejo de ingerir o álcool com o qual se viciaram desbragadamente no mundo físico. (…) os encarnados que se viciam com bebidas alcoólicas passam também a ser acompanhados de espíritos de alcoólatras já desencarnados, ainda escravos do mesmo vício aviltante, que tudo fazem para transformar suas vítimas em “canecos vivos” para saciarem seus desejos.
2) Vou colocar uma pergunta.
Os espíritos de luz ou espíritos elevados precisam de bebida, cachaça, cigarros, charutos, velas?????
Qual a sua resposta???
Devemos raciocinar com bom senso, no Espiritismo a fé tem que ser raciocinada, sem fantasias e superstições.
Espíritos desencarnados que pedem coisas matérias, são espíritos apegados a matéria, somente isso.
Não estou atacando ninguém, eu estou raciocinando.
Vejamos uma observação muito importante de Raul Teixeira sobre essa questão.
Nós espíritas pensamos o seguinte: ESPÍRITOS QUE PEDEM CHARUTO, BEBIDAS ALCOÓLICAS, COMIDA, SANGUE DE UM IRMÃO INFERIOR (ANIMAL) OU MESMO HUMANO, QUE PARTICIPAM DE TRABALHOS DE VINGANÇA OU OUTRA MALDADE QUALQUER, PRECISAM DE ESCLARECIMENTO CRISTÃO. ELES AINDA ESTÃO APEGADOS À COISAS MATERIAIS E SENTIMENTOS INFERIORES. Seria incoerente falarmos de Jesus e nos propor fazer maldade seja lá a quem for. Como podemos pedir ajuda a quem precisa de ajuda? Se Espíritos resolvessem problemas, Chico Xavier, que foi muito mais merecedor que muitos de nós, não teria sofrido com doenças e problemas. Já que vivia em contato direto com eles. Então, sigamos o conselho do apóstolo Paulo:”Não creiais em todos os espíritos, mas examinai se eles são de Deus.” (João 4:1). Paulo sabia que todos os Espíritos são de Deus, mas o propósito de alguns não são divino. Por isso, precisamos ter cuidado para não nos confundirmos, não nos aliarmos, não incentivarmos, não nos comprometermos com a lei divina. O Espiritismo é uma doutrina sem sacerdotes, sem dogmas, sem rituais, não adota em suas reuniões e em suas práticas qualquer tipo de paramentos ou vestes especiais (as vestes brancas devem ser as que nos cobrem o espírito e o nosso períspirito); não utilizamos sal grosso, plantas, amuletos, etc. (porque o nosso coração é nosso escudo, quando nele mora o amor); não adotamos cálice com vinho ou bebidas alcoólica (os espíritas não devem alimentar o vício do álcool nem do fumo, porque precisamos estar lúcidos para apreciar a beleza da vida); não utilizamos incenso, mirra, velas (porque são coisas materiais e nós usamos a prece para nos sustentar o espírito); não temos altares, imagens, andores, procissões, pagamento pelos trabalhos espirituais, talismãs, sacrifício animal, santinhos, administração de indulgências, confecção de horóscopos, exercício da cartomancia, quiromancia, astrologia, numerologia, cromoterapia, pagamento de promessas, despachos, riscos de cruzes e pontos, não temos curas espirituais com cortes, orações milagrosas para resolver problemas sentimentais, financeiros, etc.
Vou realçar essa observação do Raul Teixeira.
Nós espíritas pensamos o seguinte: ESPÍRITOS QUE PEDEM CHARUTO, BEBIDAS ALCOÓLICAS, COMIDA, SANGUE DE UM IRMÃO INFERIOR (ANIMAL) OU MESMO HUMANO, QUE PARTICIPAM DE TRABALHOS DE VINGANÇA OU OUTRA MALDADE QUALQUER, PRECISAM DE ESCLARECIMENTO CRISTÃO. ELES AINDA ESTÃO APEGADOS À COISAS MATERIAIS E SENTIMENTOS INFERIORES.
Nessas observações do Raul Teixeira, vemos que somente espíritos materializados apegados as sensações matérias é que pedem essas coisas como, bebida, cigarros, charutos, despachos e sacrifícios de pobres animais.
Os espíritos de luz não necessitam de coisas matérias.
Isso é lógico e racional basta estudar o Espiritismo para ver essa Verdade.
Perguntamos.
Raul Teixeira esta errado ou certo nessa observação??????
Qual a sua resposta?????
Muitas entidades que trabalham nesses lugares estão muito materializadas e condicionadas a vida terrena, querem manter as sensações da matéria, querem beber, fumar e até transar.
Esses espíritos viciosos encostam o seu períspirito no períspirito do encarnado que esta bebendo, fumando ou transando e passam a sentir as mesmas coisas, é o chamado encosto.
3) As superstições e crendices atrapalham a evolução espiritual das pessoas, o Espiritismo não aceita as superstições, usar objetos matérias, como, amuletos, talismã, velas, incenso, imagens, roupas brancas, fazer despachos, são atos ligado ao misticismo e as crendices populares.
Não adianta usar velas, amuletos e roupas brancas, para afastar os maus espíritos, é nos pensamentos elevados e positivos, na prece sincera, na elevação moral, na pratica do Bem, da Caridade e das Virtudes, que esta a única defesa psíquica contra a influencia dos maus espíritos.
Eu posso usar velas, imagens de santos, roupas brancas, amuletos e continuar falso, desonesto, egoísta, maldoso, picareta, malicioso, olho grande, ciumento, vingativo, racista, vicioso, nenhum objeto material ou sagrado tem ação para afastar ou atrair os espíritos desencarnados, tudo reside em nossos pensamentos e sentimentos.
Vejamos uma observação do Mestre Kardec.
PARA CONHECIMENTO DAS PESSOAS ESTRANHAS À CIÊNCIA,DIREMOS QUE NÃO HÁ HORAS MAIS PROPÍCIAS, UMAS QUE OUTRAS, COMO NÃO HÁ DIAS NEM LUGARES, PARA COMUNICAR COM OS ESPÍRITOS. DIREMOS MAIS: QUE NÃO HÁ FÓRMULAS NEM PALAVRAS SACRAMENTAIS OU CABALÍSTICAS PARA EVOCÁ-LOS; QUE NÃO HÁ NECESSIDADE ALGUMA DE PREPARO OU INICIAÇÃO; QUE É NULO O EMPREGO DE QUAISQUER SINAIS OU OBJETOS MATERIAIS PARA ATRAÍ-LOS OU REPELILOS, BASTANDO PARA TANTO O PENSAMENTO;E, FINALMENTE, QUE OS MÉDIUNS RECEBEM DELES AS COMUNICAÇÕES SEM SAIR DO ESTADO NORMAL, TÃO SIMPLES E NATURALMENTE COMO SE TAIS COMUNICAÇÕES FOSSEM DITADAS POR UMA PESSOA VIVENTE. SÓ O CHARLATANISMO PODERIA EMPRESTAR ÀS COMUNICAÇÕES FORMAS EXCÊNTRICAS, ENXERTANDO-LHES RIDÍCULOS ACESSÓRIOS. (Allan Kardec – O que é o Espiritismo, cap. II, nº 49.)
A respeito do assunto, o eminente Allan Kardec, na questão 553 de O Livro dos Espíritos indagou aos benfeitores da Humanidade, recebendo a lúcida resposta:
“TODAS AS FÓRMULAS SÃO MERA CHARLATANICE. NÃO HÁ PALAVRA SACRAMENTAL NENHUMA, NENHUM SINAL CABALÍSTICO NEM TALISMÃ QUE TENHA QUALQUER AÇÃO SOBRE OS ESPÍRITOS, PORQUANTO ESTES SÓ SÃO ATRAÍDOS PELO PENSAMENTO E NÃO PELAS COISAS MATERIAIS”.
Em O Livro dos Médiuns, no item 282, Kardec novamente interrogou os Espíritos acerca do assunto:
17ª Certos objetos, como medalhas e talismãs, têm a propriedade de atrair ou repelir os Espíritos conforme pretendem alguns?
“ESTA PERGUNTA ERA ESCUSADA (DESNECESSÁRIA), PORQUANTO BEM SABES QUE A MATÉRIA NENHUMA AÇÃO EXERCE SOBRE OS ESPÍRITOS. FICA BEM CERTO DE QUE NUNCA UM BOM ESPÍRITO ACONSELHARÁ SEMELHANTES ABSURDIDADES. A VIRTUDE DOS TALISMÃS, DE QUALQUER NATUREZA QUE SEJAM, JAMAIS EXISTIU, SENÃO, NA IMAGINAÇÃO DAS PESSOAS CRÉDULAS.”
Vou realçar essa observação.
NUNCA UM BOM ESPÍRITO ACONSELHARA SEMELHANTES ABSURDIDADES.
Portanto, os espíritos desencarnados que aconselham o uso de objetos matérias ou sagrados para trabalhos espirituais, são espíritos inferiores e atrasados, espíritos ignorantes sem luz.
O uso de imagens de santos é um ato de idolatria, adorar ou venerar imagens para que???
Existe algum valor espiritual nisso???
4) Esses espíritos desencarnados que pedem coisas matérias como, charutos, cachaça, despachos, velas e sacrifícios de pobres animais, são na realidade espíritos apegados a matéria e aos vícios e desejos terrenos, são espíritos moralmente atrasados e muito desses espíritos podem ser maldosos, vingativos, maliciosos, astutos e obsessores, cuidado com esses espíritos.
São lobos em pele de ovelhas.
Os espíritos de luz ou espíritos elevados não possuem necessidades matérias, eles não pedem coisas matérias, portanto, devemos desconfiar desses espíritos que pedem tais coisas absurdas.
Essa é a regra, os espíritos elevados ou bons espíritos não possuem necessidades matérias, eles estão com seus pensamentos e sentimentos moralmente depurados.
Esses espíritos de caboclos e preto velhos e exus são espíritos perigosos, devemos estar alertas nessas questões.
Como orienta Allan Kardec, todas as informações, mensagens e comunicações que venha dos espíritos desencarnados, tem que passar pelo Crivo severo da Razão e da Lógica para poder ser aceito.
Qualquer ofensa a razão, a lógica e a moral elevada, denuncia a presença de espíritos inferiores e atrasados.
5) Respostas sobre UMBANDA É CANDOMBLÉ dadas pelo médium mineiro CHICO XAVIER no programa Pinga Fogo de 1971
UMBANDA
Pergunta: Quem são os “pretos-velhos”, “exus” e “pombas-giras” que incorporam na Umbanda? Se são espíritos de luz, por que há necessidade de cigarro, cachaça e sons barulhentos?
Resposta: PARA ESPÍRITOS DE LUZ, OU SEJA, ESPÍRITOS SUPERIORES E PUROS, NÃO EXISTEM NECESSIDADES MATERIAIS. Os espíritos que trabalham nos terreiros, em sua grande maioria, são aqueles que ainda guardam grandes necessidades das sensações terrenas e por isso usam os médiuns para absorve-las; quando não têm, fazem-no através dos despachos. São, na classificação da Doutrina Espírita, chamados de espíritos mais simples. É claro que existem aqueles outros que, mesmo tendo condição moral mais elevada, manifestam-se nos terreiros de Umbanda, guardando os procedimentos ali adotados.
CANDOMBLÉ
Pergunta: Qual a diferença entre as entidades de luz da Doutrina Kardecista e os orixás do Candomblé, que são reverenciados em seus templos com bons pratos, roupas tradicionais e músicas? Isso não seria prendê-los ao materialismo?
Resposta: Primeiro; devemos esclarecer que a Doutrina não é Kardecista e sim dos Espíritos. Allan Kardec foi o codificador dessa Doutrina, ou seja, através de método científico, reuniu e compilou, com a ajuda de vários médiuns, as informações que hoje conhecemos editadas nos livros básicos da Doutrina Espírita.
Quanto à diferença entre “entidades de luz”, ou seja, espíritos de luz e os orixás do Candomblé; esta reside no fato de QUE OS ESPÍRITOS DE LUZ ENCONTRAM-SE EM ELEVADA CONDIÇÃO DE EVOLUÇÃO MORAL, ESTANDO, PORTANTO, LIVRES DAS SENSAÇÕES MATERIAIS.
SEM DÚVIDA QUE AS OFERENDAS QUE RECEBEM OS “ORIXÁS” OS PRENDEM À MATÉRIA.
Da Obra “Plantão De Respostas “ – Emmanuel E Francisco Cândido Xavier.
Emmanuel é bem claro, somente espíritos apegados as sensações matérias é que pedem cigarros, charutos, cachaça e despachos, ou seja, espíritos atrasados.
Perguntamos.
Emmanuel esta certo ou errado nessa questão??????
Os Espíritos de Luz ou os Espíritos Superiores e Elevados não possuem necessidades matérias, eles estão moralmente depurados.
Os Espíritos de Luz possuem sempre uma Linguagem pura, digna, elevada, nobre, lógica e sublime de moralidade e seus ensinamentos visam sempre a melhoria Moral e espiritual das pessoas.
Os Espíritos Elevados são Virtuosos em seus ensinamentos.
Eles pregam o Bem, a caridade, o amor, a elevação moral, a disciplina, a ordem, as virtudes.
Os espíritos inferiores, perturbadores e obsessores possuem sempre uma Linguagem moralmente pesada, grosseira, ímpia, agressiva, maliciosa, sem lógica e sem elevação moral.
E suas mensagens só tratam de assuntos matérias vulgares.
Os Espíritos de Luz jamais vão pedir coisas matérias, como velas, despachos, cachaça, charutos, farofa e sacrifícios de animais.
Somente espíritos apegados a matéria e aos vícios terrenos é que pedem tais absurdos.
Esse é um resumo dos meus estudos espíritas, espero ter ajudado em alguma coisa, busquemos o Mestre supremo Jesus o Cristo, o caminho, a verdade e a vida.
Wilson Moreno na busca da Verdade.
Fonte:https://oespirita.wordpress.com/2014/02/26/espritos-que-pedem-bebida-e-cigarros/
Resultado de imagem para bebida,cigarro e umbral

Postagens mais visitadas deste blog

APRENDA COMO FAZER CONTATO COM SEU ANJO E GUIAS ESPIRITUAIS - TEXTOS DE VÁRIOS AUTORES

PARA ONDE VAMOS QUANDO MORREMOS,SEGUNDO A DOUTRINA ESPÍRITA ?

O GATO NA MITOLOGIA SAGRADA EGÍPCIA