RECUSOU A QUIMIOTERAPIA PARA UM TUMOR INOPERÁVEL NO CÉREBRO E OPTOU POR MUDAR A DIETA...OS RESULTADOS FORAM IMPRESSIONANTES

Pablo5

Recusou a quimio e optou apenas por mudar a dieta… Os resultados são impressionantes!

Pablo Kelly acredita convictamente que é a única pessoa viva com o diagnóstico de um tumor terminal como o seu e que continua vivo sem qualquer tratamento ou cirurgia.

Pablo5

Não é preciso ser um médico para supor a influência de nossa alimentação, para o bem e para mal, sobre a nossa saúde. Se, por um lado, a quantidade incalculável de químicos que ingerimos, na maioria, de alimentos, hoje inquestionavelmente influência e até fabrica a maior parte das doenças de que sofremos, por outro cada vez mais se comprova possível um trabalho de melhora (até mesmo de cura) através da preocupação com o que ingerimos. O caso do inglês Pablo Kelly, se comprovado, pode ser, no entanto, um exemplo dos mais extremos – e felizes.

Pablo Kelly who turned down chemotherapy to treat a brain cancer and turned to a special diet instead. Doctors had given him 6 monthds to live but 2 years on he is still healthy. See SWNS story SWCANCER: Pablo Kelly was given months to live after doctors found a terminal tumour in his brain. He rejected chemotherapy in favour of a specialist, meat and fat-heavy diet and is still alive two years later. At 25 years old Pablo, from Wrangaton, was diagnosed with stage 4 glioblastoma multiforme - a terminal brain tumour. Due to the tumour's position in Pablo's brain it was also inoperable. "I was devastated," Pablo said.

Hoje com 27 anos, Pablo foi diagnosticado, dois anos atrás, com um tumor inoperável no cérebro. A sua condição seria terminal.

Pablo1

A única solução possível seria a quimioterapia, disseram os médicos. Pablo, porém não se conformou, e no lugar do tratamento tradicional, optou por uma mudança radical na sua alimentação, na direcção de uma dieta rica em gordura, livre de carbohidratos, com jejuns frequentes e calorias restritas.

A sua única fonte de carbohidratos tornou-se, na realidade, vegetais verdes. Pablo deixou de comer alimentos processados, açúcar refinado, raízes, amido, pães e grãos. Dois anos e cinco tomografias depois, o seu tumor permanece incrivelmente estável, sem qualquer sinal de crescimento, e Pablo segue vivo e bem, contrariando todas as expectativas médicas. Ele próprio acredita ser a única pessoa viva diagnosticada com um tumor terminal como o seu que segue sem tratamento ou cirurgia.

Pablo4

A dieta se chama Cetogénica, e a teoria é que ao reduzir o consumo de carbohidratos seria possível cortar o “combustível” do tumor, fazendo com que este se estabilize. O próximo passo de Pablo é, logicamente, fazer o tumor diminuir através da dieta. É importante frisar, porém, que não há comprovação científica dessa teoria, e que nenhuma instituição ou organização médica recomenda uma dieta rica em proteína e baixa em carbohidrato como tratamento contra o cancro. A recomendação dos médicos é firme: junto de qualquer tratamento alternativo, deve-se seguir os tratamentos tradicionais, mais eficientes e comprovados.

Fonte:http://www.altamente.org/recusou-a-quimio-e-optou-apenas-por-mudar-a-dieta-os-resultados-sao-impressionantes/

Postagens mais visitadas deste blog

APRENDA COMO FAZER CONTATO COM SEU ANJO E GUIAS ESPIRITUAIS - TEXTOS DE VÁRIOS AUTORES

PARA ONDE VAMOS QUANDO MORREMOS,SEGUNDO A DOUTRINA ESPÍRITA ?

O GATO NA MITOLOGIA SAGRADA EGÍPCIA