terça-feira, 6 de setembro de 2016

ENERGIA SEXUAL - A ENERGIA CRIATIVA QUE MOVE A VIDA

ENERGIA SEXUAL - A ENERGIA CRIATIVA QUE MOVE A VIDA
Energia sexual é energia criativa que move a vida, nossas vontades e desejos. ~ (Carl Gustav Jung)
BY TON MÜLLER  ON 17 DE AGOSTO DE 2016



Muito cuidado com quem você compartilha sua energia sexual. Intimidade a este nível, entrelaça sua energia áurica com a energia áurica da outra pessoa. Essas conexões poderosas, independentemente do quão insignificantes você acredite que sejam, deixam resíduos espirituais, especialmente nas pessoas que não praticam qualquer tipo de limpeza, física, emocional ou de outra forma. Quanto mais você interagir intimamente com alguém, mais profunda a ligação entre vocês e mais a sua aura estará entrelaçada com a do outro.
Imagine a aura confusa, a energia contaminada e tumultuada de alguém que dorme com várias pessoas e carrega consigo essas múltiplas energias? O que eles não percebem, é que os outros podem em algum nível, sentir estas energias, que podem por fim, repelir energias positivas e atrair energias negativas em sua vida.
E mais, não adianta você se preservar e ter um parceiro ou parceira que não honra o seu próprio corpo e energia, ainda menos a sua . Você irá ser afetado indiretamente e precisará realizar limpezas energéticas e/ou espirituais.
Como Lisa Patterson diz: “nunca durma com alguém que você não gostaria de ser.” Ou então, na afirmativa: escolha dormir com alguém que você gostaria de ser.
Nada como o sexo com amor. Nada como trocar a sua energia com quem você ama e que também te ama. Em meio a total confiança, a plena entrega, ao máximo da intimidade, onde 2 se tornam 1 e é possível experimentar uma conexão profunda e inefável com a divindade. Esse é também um caminho espiritual, um dos mais sublimes caminhos de Iluminação.

A sexualidade é uma das maiores fontes de energia que possuímos. Sexo é um ato de sagrada junção de energia. É uma fonte indivizivel de energia e vida.
Não devemos pensar no sexo somente como uma questão fisiológica, prazer carnal no ato sexual. Isto não é amor é sexualidade. O amor não se limita a algumas sensações físicas do prazer.
A Energia Sexual só se torna Amor quando é tocado: o cérebro (produzindo pensamento) o plexo solar e zona do coração (produzindo emoção e sentimento) e nos órgãos sexuais (produzindo excitação).
Em toda relação sexual existe toca de fluídos entre os parceiros. Cria-se um vínculo espiritual entre eles que não pode ser rompido e as auras de um casal que faz só sexo pelo prazer possui uma cor “suja”.
No ato sexual ocorre muito mais que uma troca de calor humano, ocorre também uma fusão de energias sutis dos parceiros, troca de fluídos vitais, hormonais e um inter relacionamento de auras. Durante todo envolvimento no ato sexual: carícias, beijos, penetração; as células do corpo vibram mais rápidas, o calor energético vai entrando em ebulição, havendo uma troca de energia ligada ao prazer físico e o casal tem uma grande descarga de energia quando alcança o orgasmo.
O orgasmo é o ápice na formação do elo energético entre os parceiros. Desse ponto de vista, não há sexo seguro, pois sempre há troca de vínculo energéticos que fazem com que o parceiro se aproprie e devolva essa energia e reflete se na forma de como lidamos com nossa sexualidade. Ao praticarmos sexo sem amor, apenas pelo desejo, permanecerá em nós, todo “lixo”, daquela pessoa que virá para desarmonizar nossa vibração. Com a banalização do sexo isso ficou comum.
Nosso corpo astral possui chakras que absorvem e transformam essa energia para as nossas diferentes necessidades e a dupla alimenta energias em regime de reciprocidade.Pessoas realizam muitas trocas energéticas, costumam confundir energia institiva sexual como sendo Amor. Sentimento de posse não é Amor. Se não dominamos nossos impulsos sexuais ficamos presos na amarras cármicas conectadas pelas relações sexuais. Ficamos assim prejudicados.
Por exemplo, fazemos sexo com uma pessoa depressiva ou com muita ira, passamos a vivenciar essas pesadas emoções de nosso parceiro(a). Ou estamos tristes, a nossa vibração de tristeza é transferida para o nosso parceiro sexual juntamente com outras trocas de energias, e o parceiro receptor recebe essa carga de tristeza. Carregamos a carga energética do parceiro por alguns meses. Quanto mais carregamos a dele(a) menos sentimos a nossa própria energia.
Agora quando estamos com alguém que amamos o ato de fazer amor e os orgasmos  provocam uma expansão de energia nos nossos campos energéticos.
Num relacionamento sem amor, mesmo sendo casados, o casal está causando prejuízos entre si, quando se entregam sem amor. Sexo por necessidade fisiológica é gerador de energia negativa e prisão. É uma forma de vampirismo energético do parceiro e surge uma profunda dependência psíquica, emocional e mental.
Quando fazemos com alguém que não amamos,logo após,sentimos como se estivéssemos sujos e vontade de fugir do local, sentimos necessidades de nos limparmos..Mas quando a experiência é de Amor cada parceiro sente-se banhado na energia amorosa. O sexo por amor é uma forma de crescimento. Os atos sexuais nunca são inofensivos. As energias sexuais são forças poderosas. Precisamos saber o que fazer com ela. Sexo é espirito e energia criativa que move a vida.
Uma mentalização de irradiação de luz entre os parceiros sexuais em fusão gerando amor e luz nas preliminares é começo. Para isso temos que ter zelo na hora de escolher a pessoa certa. Vale a pena conhecer seus hábitos e história mas não existe uma fórmula.
Fonte:http://verdademundial.com.br/2016/08/energia-sexual-a-energia-criativa-que-move-a-vida/
SEXTRO58