COSMONAUTAS SOVIÉTICOS QUEBRAM SILÊNCIOS E REVELAM TEREM VISTO 7 ANJOS NO ESPAÇO



Os cosmonautas no Salyut-7 orbitaram a terra em 1985. Este é um segredo que foi finalmente exposto ao mundo livre. Os seis cosmonautas soviéticos em 1985 disseram que viram “seres celestiais” (Anjos) no 155º dia em órbita na sua estação espacial. Isto foi informado pela primeira vez por Oleg Atkov, Vladimir Solevev e Leonid Kizim. Aqui está o que foi falado por esses cosmonautas:
“O que nós vimos foram sete figuras gigantescas na forma de humanos, porém com asas e névoa semelhante a halos como na descrição clássica dos anjos”.
Aqui eles especificamente disseram Anjos. Agora nós precisamos nos fazer uma pergunta: eles mentiriam? Sabendo que eles poderiam ser mortos por dizerem isto, sobre o avistamento de Sete Anjos?
Os Cosmonautas estavam realizando experiências de natureza médica e sem saber sobre o que aconteceria logo a seguir no Salyut-7, no alto acima da terra, uma brilhante nuvem alaranjada os envolveu e enchendo os seus corações de medo. Eles foram encobertos temporariamente por esta brilhante nuvem alaranjada. Quando os seus olhos clarearam, eles viram Sete Anjos.
Os sete anjos divinos os acompanharam por aproximadamente 10 minutos e então eles desapareceram tão depressa quanto eles haviam aparecido. Doze dias se passaram, e quando os cosmonautas Svetlana Savitskaya, Igor Volk, e Vladimir Dzhanibevok, se uniram aos outros na plataforma espacial, eles viram os sete anjos. Os cosmonautas disseram: “Eles estavam ardendo”, explicaram. “Nós verdadeiramente fomos subjugados. Havia uma grande luz laranja, e por isto, nós pudemos ver as figuras de sete anjos. Eles estavam sorrindo como se eles compartilhassem um glorioso segredo, mas dentro de alguns minutos, eles se foram, e nós nunca os vimos novamente”.

Agora, foram estes sete anjos os mesmos falados a respeito na Escritura, a Palavra de Deus? Podemos verificar isso no Livro de Apocalipse que diz:
Apocalipse 1:20
O mistério das sete estrelas, que viste na minha destra, e dos sete castiçais de ouro. As sete estrelas são os anjos das sete igrejas, e os sete castiçais, que viste, são as sete igrejas.
 Apocalipse 8:2
E vi os sete anjos, que estavam diante de Deus, e foram-lhes dadas sete trombetas.
Apocalipse 8:6
E os sete anjos, que tinham as sete trombetas, prepararam-se para tocá-las.
Apocalipse 15:1
E vi outro grande e admirável sinal no céu: sete anjos, que tinham as sete últimas pragas; porque nelas é consumada a ira de Deus.
Apocalipse 15:6
E os sete anjos que tinham as sete pragas saíram do templo, vestidos de linho puro e resplandecente, e cingidos com cintos de ouro pelos peitos.
Apocalipse 15:7
E um dos quatro animais deu aos sete anjos sete taças de ouro, cheias da ira de Deus, que vive para todo o sempre.
Apocalipse 15:8
E o templo encheu-se com a fumaça da glória de Deus e do seu poder; e ninguém podia entrar no templo, até que se consumassem as sete pragas dos sete anjos.
Apocalipse 16:1
E ouvi, vinda do templo, uma grande voz, que dizia aos sete anjos: Ide, e derramai sobre a terra as sete taças da ira de Deus.
Apocalipse 17:1
E veio um dos sete anjos que tinham as sete taças, e falou comigo, dizendo-me: Vem, mostrar-te-ei a condenação da grande prostituta que está assentada sobre muitas águas.
Apocalipse 21:9
E veio a mim um dos sete anjos que tinham as sete taças cheias das últimas sete pragas, e falou comigo, dizendo: Vem, mostrar-te-ei a esposa, a mulher do Cordeiro. (...)

 
Seis Astronautas Viram Sete Anjos Fora da Plataforma Espacial

Por Margarita Troytsna
Pravda
14 de junho de 2011 - Ovnis, anjos e outros fenômenos sobrenaturais que as pessoas podem encontrar em suas vidas, pode ser só um resultado de alucinações, disseram os especialistas da NASA. No entanto, histórias sobre tais encontros, contadas por pilotos, cosmonautas e astronautas, são imediatamente classificadas.
Em 1985 havia seis tripulantes a bordo da plataforma espacial soviética Salyut-7. Eles eram os cosmonautas Leonid Kizim, Oleg Atkov, Vladimir Solovyov, Svetlana Savitskaya, Igor Volk e Vladimir Jannibekov. Naquele dia, os cosmonautas estavam fazendo o seu trabalho rotineiro conectados com o laboratório de experiências. De repente, uma estranha nuvem de gás laranja envolveu a estação. Um brilho de luz luminosa encobriu todos os cosmonautas durante algum tempo a bordo. Assim que eles puderam ver novamente, os cosmonautas viram silhuetas de sete figuras do lado de fora da estação. Os alienígenas se pareciam como humanos, porém eram de estatura mais alta. Eles também possuíam grandes asas na parte detrás deles e halos luminosos sobre suas cabeças. As criaturas se pareciam com anjos. 

 
 Cosmonauta Vladimir Solovyov (esquerda) com o Presidente russo Dmitry Medvedev. Igor Volk no espaço.
  
A tripulação informou a estranha visão para a terra. O documento foi imediatamente classificado como super secreto. Todos os membros da tripulação foram subseqüentemente submetidos a testes psicológicos e médicos, os quais não detectaram nenhuma anormalidade.
Esse não foi o único encontro com anjos que aconteceu no espaço. Há não muito tempo atrás, as mídias ocidentais publicaram fotografias sensacionais feitas pelo telescópio Hubble. As fotografias descreveram imagens estranhas que incluem silhuetas aladas de aparência humana.


    


Investigadores estavam especialmente interessados em uma série de fotografias feitas na órbita da terra. A pessoa poderia ver sete objetos luminosos neles. John Pratchett, um engenheiro do projeto Hubble, disse que ele mesmo havia visto essas criaturas. De acordo com ele, eles eram objetos vivos de até 20 metros de altura, e a expansão de suas asas podiam ser comparadas ao comprimento de um avião a jato moderno.
Também foi dito que astronautas dos EUA a bordo de naves espaciais da Nasa também encontraram anjos semelhantes a criaturas.
No dia 26 de dezembro de 1994, o telescópio Hubble transmitiu centenas de fotografias que descrevem uma grande cidade branca que flutua no espaço. Autoridades dos EUA não expuseram as fotografias ao público geral, é claro, embora tenha havido rumores de que as autoridades dos EUA trataram do relatório da Nasa com muita seriedade.



Outras fontes também revelam que as fotografias tiradas pelo telescópio Hubble da NASA, mostrando seres semelhantes a anjos com asas e auréolas, com um semblante calmo e sereno de aproximadamente 24 metros de altura, foram também mostrados sigilosamente para o Vaticano, que após sua análise concluiu serem os mesmos “anjos de luz” disfarçados dos quais Paulo teria mencionado em uma de suas epístolas, cujos interesses não seriam benévolos.
Entretanto é impossível não estar a par dessas notícias do aparecimento de 7 anjos, que somente agora estão sendo divulgadas pela imprensa mundial, sem lembrarmos o que nos foi dito pelo irmão Branham de que a ciência vem comprovando dia após dia esta Mensagem.
O irmão Branham disse que sete anjos apareceram a ele em uma manhã, durante uma caçada à javalina, realizada entre os dias 6 a 9 de março de 1963 – esta data é de acordo com a irmã Rebekah Smith em sua matéria “The Road to Sunset” publicada na revista Only Believe, em junho de 1992 –, onde então eles o comissionaram a ir para Jeffersonville e revelar os mistérios dos selos de Apocalipse 6. O irmão Branham também disse que foram aqueles mesmos anjos que produziram uma nuvem misteriosa fotografada uma semana antes daquele encontro, no por-do-sol do dia 28 de fevereiro.
Quando eu vim, em primeiro lugar, foi por uma visão, que eu estava situado acima de Tucson aqui quando ocorreu uma grande explosão. O irmão Fred estava aqui quando isto aconteceu. E eles tiraram aquela fotografia, vocês sabem, no céu. E eu não pensei muito sobre isso, nunca noticiei isto. Assim isso a princípio me impressionou de algum modo outro dia. E o irmão Norman, o pai do irmão Norman aqui, disse-me, disse: “Você viu aquela notícia?”. E exatamente quando eu olhei, bem ali estavam aqueles anjos simplesmente tão claro quanto poderia ser, estavam bem ali naquela foto. Você vê? Eu olhei para ver quando foi isso, e foi uma vez, aproximadamente um dia ou dois antes ou, um dia ou dois dias depois que eu estive ali. Eu olhei para onde isso foi: no nordeste de Flagstaff, ou Prescott que fica abaixo de Flagstaff. Bem, isso foi exatamente onde estávamos (Vê?), exatamente.
Vem e Segue-Me (1/06/1963) § 7
Mas então um pouco antes disso acontecer, foi-me dada uma visão, a qual está em fita, como todos vocês sabem: Senhores, Que Horas São? Que eu devia ir a Tucson, Arizona. E lá no lado detrás do deserto, em cima da montanha, onde eu estava com alguns irmãos, falou acerca de uma grande explosão que ocorreria, e eu... sete Anjos desceram. Eu pensando, eu mesmo, que este era o fim da minha vida; disse à minha esposa para ficar com o Billy, e o que fazer com as crianças, e assim por diante, até que nos encontrássemos novamente no outro lado. Então um dia no Cânion Sabino, quando Deus me chamou de manhãzinha lá em cima, eu estava em pé com minhas mãos erguidas para o ar, orando, e uma espada caiu em minhas mãos. Vocês sabem disso. Eu fiquei lá parado e olhei para ela, simplesmente tão natural quanto minha mão está agora, não sabendo o que isto significava. E isto deixou-me com uma Voz que disse: “Esta é a Espada do Rei.” E então, mais tarde, quando o Anjo do Senhor o revelou, Isto era a Palavra na mão. Imediatamente depois disso, os Anjos do Senhor apareceram e me disseram acerca das Sete Trombetas... ou dos Sete Selos, que eu devia retornar aqui a Jeffersonville e pregar os Sete Selos. E, lá, se eu alguma vez disse alguma coisa que foi inspirada, foi nisso. Lá onde o Anjo do Senhor Se encontrou conosco, e a Bíblia tornou-se uma nova Bíblia. Lá Isto abriu e revelou todas as coisas que os reformadores e outros tinham omitido. Isto foi a revelação completa de Jesus Cristo, totalmente nova para nós, mas perfeitamente e exatamente com a Escritura. Aquela foi a Palavra a qual sempre tem sido. Eu estava tão inspirado e dirigido.
A Festa das Trombetas, (19/07/1964) §§ 41-44 – Tradução: GVD.
E que me diz de você, igreja, que por volta de seis ou oito meses atrás aqui, e mantendo-se aqui, dizendo: “‘É ASSIM DIZ O SENHOR’, que eu vou a Tucson, Arizona. Haverá uma rajada de vento, e sete Anjos aparecerão”. Vocês se lembram? [A congregação diz: “Amém” – Ed.] Nem mesmo... Deus fazendo isso tão real até que a revista Look tirou as fotos disto. Espirituais, previstos, materializados bem exatamente do mesmo modo, os sete Anjos, os quais produziram o desfecho de todas as Escrituras. Porque, todos os mistérios da bíblia inteira se colocam nos Sete Selos. Nós sabemos que Isso é o-o Livro, Seu selo, com isso completamente equilibrado. É o mistério do Livro inteiro, colocado nesses Sete Selos, que o Senhor nos deixou trazer.

Fonte:http://portugalmisterioso.blogspot.com.br/search/label/Anjos