CONHEÇA OS CÓDIGOS OCULTOS NA POLÊMICA ESCULTURA DE 'TEMPLO SATÂNICO' NOS EUA

(AP)
Image captionEstátua de bronze mede 2,7 metros e representa um ser hermafrodita alado conhecido como Baphomet

Conheça os códigos ocultos na polêmica escultura de 'Templo Satânico' nos EUA

Uma estátua controversa apresentada na semana passada pelo grupo religioso Templo Satânico em uma cerimônia secreta em Detroit, no Estado americano de Michigan, está causando protestos nos Estados Unidos. Mas qual o motivo?
A estátua de bronze mede 2,7 metros e representa um ser hermafrodita alado conhecido como Baphomet (ou Bafomé), ladeado por duas crianças sorridentes. O monumento custou US$ 100 mil (R$ 345 mil) e centenas de autointitulados satanistas participaram da inauguração.
Agora, o Templo Satânico quer mudar a estátua de lugar e a decisão gerou polêmica. O objetivo seria transferi-la 1450 quilômetros ao sudoeste do país e posicioná-la em frente ao monumento dos Dez Mandamentos, localizado do lado de fora do edifício do Capitólio em Oklahoma City.
O Baphomet "complementará e contestará" os mandamentos cristãos, afirmou a organização.
"Nossa estátua servirá como um farol pedindo compaixão e empatia entre as criaturas vivas", diz Lucien Greaves, cofundador do grupo.
Greaves diz esperar que pessoas de todas as idades "sentem no colo de Satanás para a inspiração e reflexão...É uma pequena atração turística. As pessoas viajariam de longe para vê-lo."
Mas qual é o simbolismo dessa estátua tão controversa?

Baphomet

(AP)
Image captionNome Baphomet remonta à Inquisição e à tortura dos Cavaleiros Templários durante o ano de 1100
O nome Baphomet remonta à Inquisição e aos Cavaleiros Templários, que no século 12 chegaram a ser torturados por supostamente terem confessado a adoração a um ídolo pagão chamado Baphomet.
Alguns historiadores acreditam que "Baphomet" era simplesmente uma derivação do nome "Muhammad", o profeta fundador do Islã.
Mas ao longo dos anos o mistério e a especulação envolvendo os Templários aumentaram, assim como as interpretações da palavra e seu significado.
Uma interpretação elaborada inspirou inclusive o enredo do livro O Código Da Vinci, de Dan Brown, em que a palavra Baphomet é decodificada e traduzida por "Sofia" ou sabedoria.

A imagem de Levi

A mais conhecida imagem moderna de Baphomet foi criada em 1856 pelo ocultista francês Eliphas Levi, em seu livro Transcendetal Magic: Its Doutrine and Ritual(Mágica Transcendental: Sua doutrina e ritual, em tradução livre)
A imagem retrata um ser hermafrodita alado com uma tocha entre seus chifres e um pentagrama na testa.
Em seus braços, estão escritas as palavras latinas "solve" (separar) e "coagula" (unir), poderes que teriam sido usurpados de Deus.
O desenho de Levi foi a inspiração para o monumento do Templo Satânico.
"A figura contém todos os opostos binários – cima e baixo, animal e humano, homens e mulheres", diz Greaves.
"Ele encarna opostos e celebra os contrastes", acrescentou.

Dois dedos

(AP)
Image captionCaduceu simboliza comércio, negociação e reciprocidade
Os dois dedos estendidos da mão direita apontando para cima e os dois da mão esquerda significam "tudo o que há em cima, há embaixo".
Essas palavras e o gesto que o acompanham são familiares para os ocultistas. Eles vêm de antigas obras atribuídas a Hermes Trismegisto, cujos escritos eram populares durante o Renascimento e a Reforma.
Como Levi escreveu, com este gesto, seu Baphomet "expressa a harmonia perfeita da misericórdia com a justiça."

Duas crianças

"Esperamos que as crianças vejam nossa estátua como uma bela obra de arte; não há nada a temer. Isso é o que as crianças simbolizam", explica Greaves.
"O rosto de cabra tem uma expressão neutra. Não é demoníaco, feroz ou monstruoso, como você pode imaginar, se você olha para ele sem bagagem cultural", acrescenta.
Para Greaves, as crianças não têm nada o que temer.
"Não acredito que as crianças que se aproximem do monumento sem terem sido contaminadas pela propaganda negativa encontrem algo tão aterrorizante”, afirma Greaves.
"Mas não estamos doutrinando crianças. A maioria das crianças é obrigada a ter uma religião. Não nos importamos com isso."

(AP)
Image caption'Esperamos que as crianças vejam nossa estátua como uma bela obra de arte', diz Greaves

Caduceu

No ventre de Baphomet, há um símbolo do grego clássico de duas serpentes entrelaçadas em torno de uma vara, que, segundo a mitologia, pertenceu a Hermes, o deus dos viajantes, protetor da magia e da adivinhação.
O caduceu, que simboliza o comércio, a negociação e a reciprocidade, foi incluído no Baphomet de Levi.
"Para nós, simboliza a reconciliação dos opostos", disse Greaves.

Adaptação

A imagem de Levi é hermafrodita, mas com seios femininos. No caso da de Detroit, este último atributo não está presente.
O templo alega não ter querido entrar na discussão de gênero, já que, segundo eles, poderia desfocar a atenção para o mais importante: a mensagem de Baphomet.
Na verdade, de acordo com Greaves, o menino e a menina refletem a "dualidade homem-mulher".

Pentagrama

(AP)
Image captionPentagrama é amplamente reconhecido como um símbolo satânico e frequentemente aparece invertido.
Localizado na testa do Baphomet e na parte de trás do trono, o pentagrama é amplamente reconhecido como um símbolo satânico e frequentemente aparece invertido.
A cruz também aparece invertida, como foi feito durante a cerimônia de abertura do Templo Satânico.
"Esta inversão é a percepção de Satanás. Ele convida as pessoas a repensar a sua formação cultural, olhando para as evidências e reconsiderando seus valores", acrescenta.

A tocha entre os chifres e inscrições

"A tocha do conhecimento exalta a busca pela sabedoria. Damos grande importância para ele, é fundamental para as nossas crenças em geral", disse Greaves.
Inscrições ainda não foram acrescentadas na estátua, mas o Templo Satânico diz que pretende fazê-las.
Na frente da estátua, no pentagrama invertido, será inscrito um de seus sete princípios: "O espírito de compaixão, sabedoria e Justiça deve prevalecer sempre sobre a palavra escrita ou falada".
Também haverá uma passagem do livro Caim, de Lord Byron (1821): "Então, quem é o demônio? Aquele que não deixaria que vivesse, ou teria vivido para sempre, na alegria e no poder do conhecimento?"
Fonte:http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/08/150804_escultura_satanica_codigo_ocultos_lgb