CIENTISTAS DESCOBRIRAM COMO OS RECÉM-NASCIDOS NOS ENXERGAM DE DIFERENTES DISTÂNCIAS

Cientistas descobriram como os recém-nascidos nos enxergam

Quando se inclinam perto do berço e sorriem para seu recém-nascido, a maioria dos pais não têm conhecimento de que seu filho não reconhece a emoção refletida em seus rostos.
Cientistas do Instituto de Psicologia da Universidade de Oslo (Noruega) e da Universidade de Uppsala (Suécia), fizeram testes em crianças de dois a três dias idade para descobrir o quão boa é a visão deles.
Eles descobriram que a distância máxima em que um recém-nascido pode reconhecer se uma pessoa se aproxima dele com raiva ou felicidade é de 30,48 cm. Se a distância aumentar para 60 cm, a imagem fica tão turva para o bebê que ele ou ela não pode nem mesmo reconhecer o rosto.
Para obter estes resultados, os pesquisadores usaram os registros nos rostos de vídeo cujas expressões mudavam constantemente. Inicialmente, os vídeos foram mostrados aos adultos para se certificar de que as emoções refletidas no vídeo eram facilmente identificáveis.

Assim um recém-nascido nos vê de diferentes distâncias


Em seguida, eles apresentaram os mesmos registros de vídeo aos recém-nascidos e identificaram se eles podiam ou não ver as imagens claramente. Normalmente, as crianças reagiram aleatoriamente a imagens que eram mostradas a mais de 30 cm de distância, enquanto mudavam de expressão conforme o rosto quando este estava a menos de 30 cm.
Segundo o professor Svein Magnussen, recém-nascidos são capazes de imitar os adultos desde os primeiros dias de vida, mas isso não significa que eles entendem o que significa essa expressão. [Genial]

Fonte:http://misteriosdomundo.org/cientistas-descobriram-como-os-recem-nascidos-nos-enxergam/

Sobre o desenvolvimento visual na infância

| Dra. Lúcia Batistella Passos Kara-José e Dr. Newton Kara-José
 
Como é a visão do recém-nascido? 
 
Ao nascimento, a visão da criança é muito baixa, em torno de 0,03, já que a área macular (responsável pela visão central e visão de cores), não está desenvolvida e ainda não houve nenhuma estimulação das funções visuais. Nas primeiras semanas de vida passa a ocorrer o desenvolvimento estrutural da área macular e o resultado deste processo é a condensação de um maior número de cones (fotorreceptores responsáveis pela visão nítida) nessa área do que no restante da retina. Esta é a base estrutural para que a visão se desenvolva normalmente. 

Quando o bebê começa a fixar?  
 
Para fixar um objeto de interesse, os olhos precisam fazer um movimento coordenado na sua direção. Ao nascimento, os movimentos oculares são em ressalto e muito mal controlados. O recém-nascido consegue fixar objetos e segui-los, se o movimento de deslocamento for muito lento e no plano horizontal.  
Os movimentos de seguimento vertical surgem a partir da 4ª a 8ª semana de vida.  

O seguimento de objetos em movimento ainda não é perfeito ao final do primeiro ano. 

O alinhamento ocular é mantido às custas da presença de visão binocular e do equilíbrio das forças motoras, representadas pelos músculos extraoculares e todo sistema neuromotor.
 
É comum o bebê desviar o olho e ficar estrábico (vesgo)? 
 
Do nascimento até seis meses de vida, desvios esporádicos dos olhos são comuns e não são considerados doenças. Nessa faixa etária, somente quando os desvios são constantes é que são considerados patológicos e os pais devem procurar o oftalmologista para avaliação. Isso acontece porque o reflexo de fusão ainda não está maduro.  
Após os 6 meses de vida, caso percebam algum desvio, mesmo não sendo constante, os pais devem levar o bebe para avaliação com um oftalmologista.
 
Quando o bebê tem visão binocular?  
 
Se os olhos estão apropriadamente alinhados e um objeto é fixado com os dois olhos, sua imagem será recebida em áreas correspondentes nas duas retinas. Apesar da presença de duas imagens fisicamente separadas, somente um objeto será percebido pelo observador. A fusão destas duas imagens em uma única imagem tridimensional é realizada pelas células corticais que estão conectadas com as vias visuais dos dois olhos. Quando há fusão das imagens, diz-se que há visão binocular. Esta função visual desenvolve-se a partir do primeiro mês de vida e se completa no final do 6º mês.

Fonte:http://www.drsaviomilbratz.com/