A IMPRESSIONANTE MESQUITA DE ABU DHABI
























Considerada a oitava maior mesquita do mundo e recebendo anualmente cerca de 4.7 milhões de fiéis e visitantes, a grande mesquita de Abu Dhabi é um dos principais e mais sagrados locais para os muçulmanos nos Emirados Árabes.

Mesquita de Abu Dhabi

Uma verdadeira jóia da arquitetura islâmica influenciada por diversas correntes arquitetônicas do mundo árabe, Esta é a Sheikh Zayed Grand Mosque de Abu Dhabi, sem dúvida uma das contruções mais impressionantes e surpreendentes que visitei nos Emirados Árabes Unidos.


Chegando de carro vindo de Dubai à medida que nos aproximarmos da capital do país, a enorme mesquita branca de Abu Dhabi logo se destaca na árida paisagem. Com 4 enormes minaretes de 107m de altura cada, e 82 impressionantes ábobodas brancas em diferentes tamanhos distribuídos nos 22.412 m2 de área construída, é impossível não ficar admirado com a beleza e magnetude desta mesquita contruída a um custo aproximado de 550 milhões de dólares americanos entre 1996 e 2007.
Gratuita para visitação, a mesquita de Abu Dhabi como qualquer outro local sagrado para o islã possui um rigoroso código de vestuário para seus visitantes e frequentadores. Regras as quais estão bem visíveis logo na entrada da mesma. Mulheres são bem vindas ao local, mas não podem entrar no recinto com pernas e braços à mostra, e devem obrigatóriamente cobrir a cabeça em sinal de respeito.
Dress Code da Mesquita de Abu Dhabi
Dress Code da Mesquita de Abu Dhabi
Para os desavisados e sem noção de plantão, existe no local a opção de você emprestar alguns lenços e vestimentas para se adequar as exigências da visitação, mas vá por mim, faça a lição de casa e vá com a roupa adequada. Para os homens as regras são um pouco mais flexíveis, mas mesmo assim não é permitido entrar bermudas acima do joelho, nem camisetas regata. E como em outros lugares de culto religioso no mundo, para entrarmos no interior da mesma, é necessário se remover os calçados .
Acabei visitando a mesquita e Abu Dhabi no tour que comprei das meninas do Guia em Dubai, agência pela qual fiz os trâmites burocráticos para conseguir meu visto para visitar Dubai. E apesar de a visita à mesquita ter sido curta de mais para o meu gosto, pude apreciar os diversos elementos decorativos e da arquitetura desta magnífica construção e ainda tirar dezenas se não, centenas de fotos do local.
Algo que realmente impressiona no local, além do tamanho e robustez do complexo da mesquita em sí, é a riqueza e delicadeza dos detalhes de sua decoração. Não é por acaso que, para a sua construção, aproximadamente 3000 trabalhadores e artesões trabalharam por cerca de 10 anos na obra.
Construída basicamente em mármore oriundo da Macedônia, Áustria e Itália, a mesquita de Abu Dhabi é extensivamente adornada com mosaicos de pedras semi-preciosas e muito ouro. Fazendo com que automaticamente associemos o local ao palácio do sultão no desenho do Alladin do Walt Disney.
Construída a pedido do xeique Zayed bin Sultan Al Nahyan (1918-2004). Tido como o fundador dos EAU, o xeique Zayed que governou os Emirados até sua morte, em 2004, não viveu para ver a obra da mesquita pronta. No entanto, não economizou recursos para criar a mais suntuosa das mesquitas do país (e provavelmente do mundo) e onde terminaria sendo enterrado.
Com capacidade para receber simultanemamente até 40 – 50 mil fiéis, a mesquita de Abu Dhabi tem em suas paredes e o teto adornados com diversos trechos e passagens do corão, os quais estão escritos em três tipos diferentes de de caligrafia arábica por artistas oriundos de vários lugares do mundo árabe e supervisionados por calígrafos dos Emirados, da Síria e da Jordânia.
E como os Emirados Árabes Unidos é um país que não poupa dinheiro e esforços para impressionar com suas manias megalomaníacas, a mesquita quebrou uma série de recordes e conta com entre outras coisas:
  • O maior tapete persa já fabricado até hoje. Com 5627 metros quadrados, ele pesa aproximadamente 50 toneladas, sendo destas 35 toneladas são de lã proveniente da Nova Zelândia e Irã. Feito manualmente por mais de 1200-1300 artesãs iranianas, o tapete da mesquita de Abu Dhabi tem 2,268,000,000 nós em sua composição e levou aproximadamente 2 anos para ficar pronto.
  • O maior mosaico de mármore já feito até os dias de hoje. Com aproximadamente 17.000 metros quadrados e construído em tema floral utilizando a mesma técnica utilizada no Taj Mahal na Índia.
  • 7 enormes lustres feitos na Alemanha e que possuem milhões de cristais Swaroski, sendo que o maior deles é o terceiro maior lustre do mundo com 10 metros de diâmetro e 15 metros de altura, pesando nada mais nada menos que 12 toneladas, sendo que destes 40 kg são de ouro 24K, fazendo dele o lustre mais caro já fabricado até os dias de hoje.
Além disso, a mesquita conta ainda com mais de 1000 colunas de mármore italiano, adornadas por mosaicos florais coloridos e arrematadas por detalhes dourados no topo. Tanto nestas colunas como nas paredes a técnica utilizada na confecção destes mosaicos florais coloridos é “pietra-dura”, a mesma utilizada a mais de 350 anos atrás no Taj Mahal no Rajastão na Índia. E ainda encontramos ainda diversos belíssimos mosaicos de azulejo

Já no interior do salão principal de orações, além do enorme tapete persa, as 96 colunas além das pedras multicoloridas formando os belíssimos mosaicos florais, apresentam ainda madre-perólas encrustradas em suas colunas, num trabalho super bonito e único no mundo.
Dentro do salão principal de orações, é possível passar horas observando os detalhes e simetria da arquitetura e dos elementos decorativos, e infelizmente o tempo passou voando. E quando ,menos esperava já estava na hora de prosseguir com o passeio.
Adoraria ter tido a oportunidade de visitar o local durante a noite. Uma vez que o local tem um sistema de iluminação que acompanha as fases da lua e que parece ser um desbunde. Além disso, durante a noite os tours que vem de Dubai, como o que eu fiz já caíram fora o que faz as fotos do lugar ficarem ainda mais interessantes.
No complexo da mesquita de Abu Dhabi ainda existe uma importante biblioteca, com livros datados de 200 anos atrás e o mausoléu do Sheik Zayed, pai do atual Emir de Abu Dhabi e presidente dos Emirados Árabes Unidos.

Informações Úteis para visitar a Mesquita de Abu Dhabi

As visitas acontecem diariamente de Sábado à 5a feira, de 9:00 às 22:00. Nas sextas-feiras não abre à visitação turística no período da manhã. Abrindo apenas após 16:30.
Além disso, fecha temporariamente por aproximadamente 45 minutos 5 vezes ao dia durante o horário das rezas. Mesmo que você chegue num destes horários, você pode explorar a área externa da mesquita e seus jardins.

Endereço Mesquita de Abu Dhabi:

Coordenadas para o GPS:

LatitudeLongitude
N 24 24.756E 54 28.520


Fonte:https://www.viajoteca.com/mesquita-de-abu-dhabi/