CONHEÇA OS CINCO TESOUROS MAIS PROCURADOS DO MUNDO

Ouro, prata, joias, tesouros arqueológicos: o sonho de qualquer aventureiro é achar, algum dia, um cofre abarrotado de riquezas de algum barco perdido no tempo. E, na realidade, existem muitos tesouros escondidos. Segue um top 5 com os principais deles, ainda a serem encontrados:
5. Tesouro do fundo do lago Guatavita: Longe do mar, em pleno leito de água doce e pacífica, se esconde um tesouro que não saiu de navio algum... Trata-se de uma enorme quantidade de ouro, lançada por muitos séculos pelos antigos nativos do lugar nas profundidades do lago Guatavita, na Colômbia, como uma oferenda ao espírito da água.
4. Carregamento perdido do Nuestra Señora de Atocha: A embarcação Nuestra Señora de Atocha, um navio espanhol que transportava tesouros da América até a Europa, naufragou em 6 de setembro de 1622, quando cruzou um furacão, nas imediações do arquipélago Florida Keys, quando voltava à Espanha. Em 20 de julho de 1985, o norte-americano Mel Fisher conseguiu achar parte do carregamento, mas ainda permanecem embaixo d'água 17 toneladas de prata, 27 quilos de esmeraldas, 128 mil moedas e 35 caixas de ouro.
3. Relíquias familiares da Virgínia: Em 1863, o coronel do Exército dos Estados Confederados da América, John Singleton Mosby, saqueou os quartéis generais de Edwin Stoughton, obtendo o monumental tesouro das relíquias das famílias da Virgína. Mosby, com medo de que a fortuna caísse em mãos inimigas, entregou tudo ao sargento de sua maior confiança, com o pedido de que a escondesse tão bem quanto possível. Enfim, o sargento o fez excelentemente, já que até hoje ninguém encontrou as relíquias.

2. O tesouro de Lima: Acredita-se que a 560 quilômetros da Costa Rica, aproximadamente, nas ilhas Coco, está escondido um tesouro formado por moedas de ouro, estátuas, joias, coroas, pedras preciosas e barras de ouro e prata, que valeriam hoje cerca de 270 milhões de dólares. O tesouro teria chegado até ali pelas mãos do capitão inglês William Thompson, que teria recebido como missão tomar as riquezas de Lima, no Peru, e levá-las para o México. Desde então, muitos têm tentado rastrear o tesouro, e existem fotografias de 1910 que atestam que o próprio ex-presidente dos Estados Unidos Franklin Roosevelt realizou uma busca junto com aluns amigos.
1. O tesouro da Noite Triste: Conta a história que, no final de 1520, os astecas da cidade de Tenochtitlan, arrasados pela opressão do conquistador Hernán Cortés, decidiram esconder a maior parte de seus tesouros na bacia seca que cercava a capital. Após a batalha da Noite Triste, o tesouro jamais foi encontrado.
Fonte: Peru.com 
http://seuhistory.com/node/122116