AS ESCOLAS DE PROPAGANDA DA VIDA REAL

1grafico
Por Laura Florence e Cassiano Saldanha – Diretores Executivos da Mcgarrybowen São Paulo
Não há dúvidas que, hoje em dia, recebemos das faculdades e dos cursos de criação profissionais bem mais preparados do que há dez anos. Mas também não podemos negar que a prática, a labuta, o dia-a-dia, a pressão e o deadline é que ensinam de verdade.
As agências são escolas também. E cada uma com o seu método e estilo. Assim como cada criança tem a escola que melhor se encaixa na sua personalidade, o criativo tem a agência que mais vai fazê-lo brilhar.
Pode parecer óbvio, mas tem gente que esquece isso numa entrevista, tanto o entrevistado quanto o entrevistador.
O fit entre o candidato e a metodologia da agência é fundamental para um relacionamento de longo prazo. Se o mercado pensasse mais nisso, quem sabe o troca-troca de cadeiras não fosse tão grande.
A seguir, fizemos um paralelo entre os tradicionais métodos de ensino e as agências de propaganda. Descubra se em 2015 vale a pena se matricular em outra escola.
Agência Tradicional
Grande, estruturada, hierárquica, cliente globais. Geralmente tem o sobrenome de uma multinacional e o do sócio local. O departamento de criação é enorme e com vários diretores de criação: associado, executivo, integrado… Mas acima deles tem um nome de destaque: o grande soberano, o mentor, o rei da casa, o da salinha de vidro. Para se destacar nesse ambiente tem que ralar, botar ovo e cacarejar. Fazer melhor que o coleguinha ao lado. A competição é alta e os salários também tendem a ser maiores. Tem gente que rende bem mais sobre pressão. Se você é assim, essa é sua agência.
Construtivista
Tem algumas coisas parecidas com a tradicional, mas o clima é outro. A colaboração faz parte do DNA. A hierarquia é menos rígida e tem menos escalões. Muitas vezes são agências médias ou de perfil mais digital. Mas também encontramos multinacionais onde o lado brasileiro tem mais força. Nesse ambiente é importante saber trabalhar em grupo, participar bem de brainstorms e ter paciência para ouvir o colega falar besteira. Se você não tem apego à ficha técnica e não está em busca dos maiores salários do mercado, faça sua matrícula aqui.
Waldorf
Seguindo esse método estão as Startups. Aqui você é tudo: criativo, mocapeiro, moça do café, pesquisador AB, e o que mais aparecer pela frente. Existe sempre teorias para onde se está indo, mas o caminho muda o tempo todo. Tem dia que você acorda animado com o desafio, tem outros que você morre de saudades do seu emprego CLT. Mas uma coisa é fato: todo dia tem emoção. Não gosta de rotina? Esse é o seu playground no recreio.
Independente da metodologia, tem mais duas escolhas que você tem que fazer: escolha dois itens deste gráfico abaixo. Não existe lugar para encontrar os três juntos.
Fone:http://www.updateordie.com/2014/12/19/as-escolas-de-propaganda-da-vida-real/
1grafico