ANVISA PROIBE 20 LOTES DE SUPLEMENTOS DE PROTEÍNAS PARA ATLETAS

  • Ao todo, vinte produtos analisados pela agência apresentaram problemas na composição
    Ao todo, vinte produtos analisados pela agência apresentaram problemas na composição

Anvisa proíbe 20 lotes de suplementos de proteína para atletas

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), determinou a proibição da distribuição e comercialização de 20 suplementos de whey protein para atletas (veja a lista completa abaixo). A agência avaliou 25 marcas, diante de denúncias de irregularidades na quantidade de carboidrato e proteína declaradas na rotulagem. A determinação será publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (28).

Segundo a Anvisa, a composição real dos produtos é diferente da informada na rotulagem, o que caracteriza fraude contra o consumidor e prática desleal de comércio. Além disso, a ausência da declaração de soja na lista de ingredientes de alguns produtos pode implicar em risco à saúde de consumidores que tenham alergia a esse alimento.
Para identificar o real conteúdo das 25 marcas de suplementos, foram realizados ensaios de carboidrato e proteínas, além de análises de rotulagem e de identificação de substâncias não declaradas na lista de ingredientes, como amido, milho, soja e fécula de mandioca.
A legislação tolera uma variação de mais ou menos 20% nas quantidades de nutrientes declaradas no rótulo. Ainda assim, 20 produtos apresentaram problemas com a composição. Desses, 19 apresentaram valores de carboidratos superiores aos declarados e um apresentou menos carboidratos do que a quantidade informada na tabela nutricional.
A Anvisa esclarece que os lotes proibidos não podem ser expostos à venda. Caso o consumidor identifique esses produtos em pontos de venda, deve denunciar o estabelecimento à vigilância sanitária de seu município.
A fiscalização também ocorrerá sobre as empresas fabricantes, que serão autuadas pelas autoridades sanitárias e podem sofrer advertência, apreensão e inutilização, interdição e ou multa, que pode variar de R$ 2.000,00 a R$ 1.500.000,00.

Veja suplementos indicado para ganhar massa, definir ou emagrecer

Resultados
Entre os produtos avaliados pela Anvisa, apenas um apresentou resultados satisfatórios para todos os ensaios: o produto 100% Pure Whey, da empresa Probiótica Laboratórios Ltda.
Os produtos 100% Whey Protein e 3 Whey Proto NO² da Neo Nutri Suplementos Nutricionais apresentaram resultados insatisfatórios apenas para a rotulagem, mas as quantidades de carboidratos e proteínas estavam de acordo com as declaradas no rótulo.
Os três produtos que tiveram maiores variações para o ensaio de carboidratos foram: Whey NO2 Pro – Pro Corps (aroma idêntico ao natural de milho), para o qual foram detectadas 17,66g de carboidratos na porção, o que representa 1104% a mais do que o valor de 1,6g declarado na rotulagem do produto; Fisio Whey Concentrado NO2, que apresentou 9,5g de carboidrato na porção, ou seja, 869% a mais do que o valor de 0,98g declarado na rotulagem do produto; 100% Ultra Whey – Ultratech Supplements, onde foram detectadas 25,51 g de carboidratos na porção, isto é, 750 %  a mais do que o valor de 3 g declarado na rotulagem do produto.
Para 11 produtos verificou-se a ausência de declaração de ingredientes, como amido, milho, soja e ou fécula de mandioca no rótulo. A resolução RDC 259/02 determina a obrigatoriedade de declaração de todos os ingredientes na lista de ingredientes, em ordem decrescente da respectiva proporção.
Para o ensaio de proteínas, sete produtos apresentaram composição divergente, em mais de 20%, do valor declarado na rotulagem. O produto Whey NO2 Pro – Pro Corps (aroma idêntico ao natural de milho), que também obteve o pior resultado para o ensaio de carboidratos, apresentou também a maior variação para o ensaio de proteínas: 245% a menos do que o valor de 25 g declarado na rotulagem.
Para dois produtos, a Anvisa ainda aguarda a realização das análises de contraprova. Caso haja confirmação do laudo condenatório inicial, os lotes dos produtos também serão proibidos.
Veja quais foram os suplementos proibidos pela Anvisa:
Super Nitro Whey NO2 - American Line Suplements
Lote 006 - Data de fabricação: 01/05/2013 - Data de validade: 21/04/2015
O teste detectou 55,80g de carboidratos na porção, 697 % a mais do que o valor de 7g declarado na rotulagem. O ensaio também encontrou 10,23g de proteína na porção, isto é, 79,5% a menos do valor de 50g declarado na rotulagem. Além disso, o produto contém soja e fécula de mandioca, ingredientes que não foram declarados no rótulo.
Pó para o preparo de bebidas sabor artificial morango - 3W - Fast Nutrition
Lote 00024 - Data de validade: 01/01/2015
O teste detectou 11,87g de carboidratos na porção, 137% a mais do que o valor de 5g declarado na rotulagem. O ensaio também encontrou 17,04g de proteínas na porção,  26% a menos do que o valor de 23g declarado na rotulagem. Além disso, o produto contém milho, ingrediente que não foi declarado no rótulo.
Suplemento Proteico para Atletas sabor Morango e Banana - Whey Protein Optimazer – Cyberform
Lote C29 - Data de validade: 12/08/2015
O teste detectou 5,08g de proteína na porção, isto é, 154% a mais do que o valor de 2,0g declarado na rotulagem. Além disso, o produto contém mandioca, ingrediente que não foi declarado no rótulo.
Suplemento Proteico para Atletas - Whey NO2 Pro Baunilha – Pro Corps
Lote AB24 - Data de validade: 01/02/2015
O teste detectou 4,29g de carboidratos na porção, 168%  a mais do que o valor de 1,6g declarado na rotulagem. Além disso, o produto contém soja e grãos de amido, ingredientes que não foram declarados no rótulo.
Suplemento Proteico para Atletas aroma Idêntico ao Natural de Milho - Whey NO2 Pro – Pro Corps
Lote L000472 - Data de validade: 30/11/2014
O teste detectou 17,66g de carboidratos na porção, 1104%  a mais do que o valor de 1,6g declarado na rotulagem. O ensaio também encontrou 10,19g de proteínas na porção, 245% a menos do que o valor de 25g declarado no rótulo.
Suplemento Proteico para Atletas aroma Idêntico ao Natural de Milho - Whey 5W Pro – Pro Corps
Lote 6510 - Data de validade: 01/01/2015
O teste detectou 5,46g de carboidratos na porção, 287% a mais do que valor de 1,9g declarado na rotulagem.
Suplemento Proteico para Atletas em pó sabor chocolate - Ultra Pure Whey+ Isolate Whey - Nutrilatina Age Superior
Lote L59920P1H2 - Data de validade: 30/11/2014
O teste detectou 4,38g de carboidratos na porção, 212.9% a mais do que valor de 1,4g declarado na rotulagem.
Suplemento Proteico para Atletas Sabor Baunilha - Extreme Whey Protein - Solaris
Lote 17016 - Data de fabricação: 01/08/2013 - Data de validade: 28/02/2015
O teste detectou 9,78g de carboidratos na porção, 511%  a mais do que o valor de 1,6g declarado na rotulagem. O ensaio também encontrou 17.46g de proteínas na porção, 27% a menos do que o valor de 24g declarado na rotulagem. Além disso, o produto contém mandioca, ingrediente que não foi declarado no rótulo.
Suplemento Proteico para Atletas Sabor Morango - Extreme Whey Protein - Solaris
Lote L16964 - Data de fabricação: 01/08/2013 - Data de validade: 28/02/2015
O teste detectou 10,56g de carboidratos na porção, 560% a mais do que o valor de 1,6g declarado na rotulagem. O ensaio também encontrou 16,84g de proteínas na porção, 30%  a menos do que o valor de 24g declarado na rotulagem. Além disso, o produto contém mandioca, ingrediente que não foi declarado no rótulo.
Pó para o preparo de bebida proteica sabor milk shake de morango - 100% Ultra Whey – Ultratech Supplements
Lote L034 - Data de fabricação: 01/06/2013 - Data de validade: 31/12/2014
O teste detectou 25,51g de carboidratos na porção, 750 %  a mais do valor de 3g declarado na rotulagem. O ensaio também encontrou 10,18g de proteínas na porção, 66,%  a menos do que valor de 30g declarado na rotulagem. Além disso, o produto contém milho, ingrediente que não foi declarado no rótulo.
Suplemento Proteico para Atletas Sabor Artificial Baunilha - Bio Whey Protein - Performance
Lote 1315269 - Data de fabricação: 09/2013 - Data de validade: 09/2015
O teste detectou 5,63g de carboidratos na porção, 563% a mais do que o valor de 0g declarado na rotulagem.
Suplemento Proteico para Atletas Sabor Artificial + Suplemento de Creatina para Atletas - Peter Food - Whey NO2 + Creatine
Lote 171219 - Data de validade: 12/03/2015
O teste detectou 7,65g de carboidratos na porção, 53%, a mais do que o valor de 5g declarado na rotulagem. Além disso, o produto contém amido, ingrediente que não foi declarado no rótulo.
Alimento Proteico para Atletas Sabor Baunilha Colorido e Aromatizado Artificialmente - 100% Whey Xtreme – Pharma
Lote 1084 - Data de validade: 01/02/2015.
O teste detectou 4,71g de carboidratos na porção, 177% a mais do que valor de 1,7g declarado na rotulagem.
Suplemento Proteico para Atletas Sabor Baunilha - Super Whey 100% Pure - IntegralMedica
Lote 0032221 - Data de validade: 01/06/2015
O teste detectou 7,01g de carboidratos na porção, 34.8% a mais do que o valor de 5,2g declarado na rotulagem.
Suplemento Proteico para Atletas Sabor Baunilha - Super Whey 3W - IntegralMedica
Lote 0035222 - Data de validade: 01/04/2015
O teste detectou 3,17g de carboidratos na porção, 44% a mais do que o valor de 2,2g declarado na rotulagem.
Suplemento Proteico para Atletas - Fisio Whey Concentrado NO2
Lote 00660413 - Data de fabricação: 05/04/2013 - Data de validade: 05/04/2015
O teste detectou 9,5g de carboidratos na porção, 869% a mais do que o valor de 0,98g declarado na rotulagem. Além disso, o produto contém amido, ingrediente que não foi declarado no rótulo.
Suplemento Proteico para Atletas - Designer Whey Protein
Lote 08190913 - Data de fabricação: 01/09/2013 - Data de validade: 01/09/2015
O teste detectou 2,25g de carboidratos na porção, 125% a mais do que o valor de 1g declarado na rotulagem. Além disso, o produto contém amido, ingrediente que não foi declarado no rótulo.
Suplemento Proteico para Atletas em Pó - Muscle Whey Proto NO2 - Neo Nutri
Lote 08303 - Data de validade: 30/03/2015
O teste detectou 7,45g de carboidratos na porção, isto é, 32% a menos do que o valor de 11g declarado na rotulagem.
Suplemento Proteico para Atletas - Whey Protein 3W – DNA Design Nutrição Avançada
Lote 08490913 - Data de fabricação: 09/2013 - Data de validade: 09/2015.
O teste detectou 3,15g de carboidratos na porção, 75% a mais do que o valor de 1,8g declarado na rotulagem.
Suplemento Proteico para Atletas em Pó - Isolate Whey – Neo Nutri
Lote 08301 - Data de validade: 30/01/2015 O teste detectou 1,98g de carboidratos na porção, 198% a mais do  que o valor de 0g declarado na rotulagem).

Fonte:http://boaforma.uol.com.br/noticias/redacao/2014/02/27/anvisa-proibe-20-lotes-de-suplementos-de-proteina-para-atletas.htm

  • Ao todo, 20 whey protein foram testados, mas apenas seis trouxeram valores corretos de proteína e carboidrato em seus rótulos
    Ao todo, 20 whey protein foram testados, mas apenas seis trouxeram valores corretos de proteína e carboidrato em seus rótulos

Análise encontra irregularidades em suplementos de proteína para atletas

Conhecido no universo de quem malha, o whey protein é um suplemento proteico que faz parte da alimentação de muitos atletas. No entanto, de acordo com uma avaliação da Proteste - Associação de Consumidores, que testou 20 suplementos desse tipo, apenas seis produtos trouxeram os valores corretos de proteína e carboidrato em seus rótulos. Cinco deles têm menos proteínas, treze mais carboidrato e um menos carboidrato do que os indicados nas embalagens.
As maiores variações foram encontradas no Four Whey Protein, fabricado pela Suplemente - Alimentação Avançada, que contém 844% a mais de carboidrato e 34% a menos de proteína. O Triple Matrix Whey NO, da Body Action, tem 320% a mais de carboidrato e 43% a menos de proteína, enquanto o Extreme Whey Protein, da Solaris Sports Nutrition, tem 288% a mais de carboidrato e 30% a menos de proteína.
A legislação permite uma variação de 20% para mais ou para menos nas quantidades dos nutrientes declarados no rótulo. Ainda assim, os 14 produtos reprovados estão fora dos parâmetros legais.
Em nota, a Body Action afirmou que tem um rígido padrão de controle de qualidade e parceria com grande laboratório de análise certificado pela Anvisa. A empresa também destaca que todas as análises e amostras coletadas de cada lote ficam disponíveis no site e podem ser consultadas facilmente pelos consumidores. "Inclusive, temos um laudo feito por outro laboratório, certificado pela Anvisa, referente ao mesmo lote do produto analisado pelo Proteste, onde os resultados não condizem com o que foi apresentado", finaliza.
Já, a Solaris Sports Nutrition manifestou, em nota, sua discordância com o teste da associação, visto que "todos os produtos fabricados são submetidos a rigorosos testes de qualidade. Até o mês de setembro de 2013, os produtos fabricados pela SOLARIS eram submetidos a análises internas, cujos resultados sempre apontaram a CONFORMIDADE das quantidades de carboidratos e proteínas, sendo que eventuais variações estavam dentro dos limites permitidos pela ANVISA na RDC 360/2003". Desde setembro de 2013, a empresa passou a realizar testes de qualidade por meio de laboratórios externos, "afim de afastar qualquer dúvida em relação à qualidade dos produtos por si fabricados".
Procuradas, as outras empresas ainda não se manifestaram sobre o resultado da análise realizada pela Proteste.

O suplemento 100% Whey Gold Standard, da Optimun Nutrition, se saiu bem na análise laboratorial, mas não traz em seu rótulo a frase: "Este produto não substitui uma alimentação equilibrada e seu consumo deve ser orientado por nutricionista ou médico", o que contrataria a determinação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).
Em nota, a Glanbia, distribuidora autorizada da Optimun Nutrition no país, afirmou que já "enviou imediatamente ordem para a gráfica corrigir as etiquetas, recuperando as informações originais obrigatórias".
A ausência da frase também foi encontrada nas embalagens das marcas Elite/Whey Protein Isolate, da Dymatize Nutrition, Four Whey Protein, da Suplemente - Alimentação Avançada, Isofort/Whey Protein Isolate, da Vitafor e 100% Whey Xtreme, da X-Pharma.
As cinco marcas bem avaliadas em todos os itens foram: Top Whey 3W, da Max Titanium, 100% Pure Whey, da Probiótica, Isofusion, da Gaspari Nutrition, Whey Protein Isolate, da Now Sports, e 100% Whey Fuel, da Twinlab.
Foram analisados os rótulos dos suplementos para checar se constavam as informações obrigatórias por lei em alimentos para atletas. E no laboratório, os teores de proteína e carboidrato, comparados com os valores indicados nas embalagens dos produtos.
Embora não traga riscos à saúde, as alterações na composição nutricional podem fazer com que o atleta não alcance o resultado esperado, principalmente se sua dieta estiver calculada em função dos valores nutricionais fornecidos no rótulo.
Por isso, a Proteste enviou os resultados do teste à Anvisa e às Vigilâncias Sanitárias do Rio de Janeiro e São Paulo, pedindo a retirada dos produtos irregulares do mercado. E também enviou ofício aos Procons das duas cidades, pedindo a abertura de procedimento administrativo para adequação das rotulagens.

Fonte:http://boaforma.uol.com.br/noticias/redacao/2014/01/24/analise-encontra-irregularidades-em-suplementos-de-proteina-para-atletas.htm


imagem

Suplemento: pra que serve e como tomar

Whey, termogênico, creatina. Veja como cada produto atua no corpo


Embora todos saibam que resultados imediatos não existem, tem muita gente que acha que os suplementos fazem milagre. Talvez essa seja a palavra mais pronunciada nas academias: S-U-P-L-E-M-E-N-T-O. 

Como personal, várias vezes ao dia sou questionada sobre o assunto, por isso resolvi fazer um resumo a respeito e ver se consigo ajudar vocês a entender o porquê de tomar cada tipo de suplemento, qual a dosagem, pra que serve e o que pode acontecer de efeito colateral. Vamos lá!

PRÉ-TREINOS
Na composição há vasodilatadores que facilitam a passagem de oxigênio e psicoestimulantes pelos vasos sanguíneos e faz com que eles cheguem às células musculares mais depressa. Dessa forma, oferecem ao usuário mais pique e força para fazer atividades físicas.
Quando tomar: De 30 a 45 minutos antes de começar a treinar.
Dosagem: Varia de acordo com o fabricante.
Efeitos colaterais: Dependência, aumento da resistência a estimulantes, ansiedade, arritmia, alteração da pressão arterial, tremores, insônia, agressividade, sonolência e desânimo após o efeito estimulante.
Excesso: São absorvidos pelo corpo, podendo agravar os efeitos colaterais.

TERMOGÊNICOS
São suplementos que ajudam a acelerar o metabolismo e o processo de termogênese, que aumenta a temperatura do corpo e auxilia na queima de gorduras.
Quando tomar: O recomendado é1 cápsula de 15 a 60 minutos antes da prática de atividade física, mas alguns sugerem 1 cápsula especificamente no café da manhã e outra dali a 6h ou 8h.
Dosagem: De 1 a 3 cápsulas por dia. O produto só pode ser usado, no máximo, por dois meses, depois é preciso fazer intervalo de 1 a 2 meses.
Efeitos Colaterais: Desidratação, arritmia, agressividade, insônia, cefaléia, falta de concentração, enjoo, agitação.
Excesso: Como são psicoestimulantes, não pode ser excedida a dosagem padrão dentro de 24h, sob risco de acentuar os efeitos.

CREATINA
Ácido encontrado naturalmente no organismo e que ajuda a fornecer a forma de energia mais usada pelo corpo: o ATP. Quando há contração muscular, a molécula de ATP passa por um processo chamado hidrólise e libera fosfatos, que fornecem a energia necessária para o movimento. Ao final de aproximadamente dez segundos, essa energia é consumida e é necessário mais ATP para novas contrações. Suprir essa demanda é a função do fosfato presente na creatina.
Quando tomar: Depois do treino. Se for em pó,pode ser misturada com Whey Protein.
Dosagem: De 2g a 5g por dia de treino.
Excesso: Não há estudos que esclareçam os efeitos do excesso de creatina.

PROTEÍNAS
Se determinado músculo está sendo constantemente exercitado, o corpo naturalmente aumenta o aporte de proteínas para ele, deixando-o mais forte e torneado. O princípio dos suplementos protéicos é fornecer a matéria-prima desse processo e permitir a produção de fibras musculares.

Whey Protein:
O que é: Whey Protein é a proteína presente no leite e o suplemento mais usado nas academias. Como é de fácil absorção, promove rápida reconstrução muscular e é ideal para atletas de alto nível.
Quando tomar: O quanto antes depois do treino, período em que o efeito de reconstrução e fortalecimento muscular é mais intenso. Se for ingerido antes, o Whey não terá o mesmo efeito e ainda pode levar ao acúmulo de gordura.
Dosagem: Para quem pratica exercícios moderados, o indicado é de 1,2g a 1,8g por quilo corporal. Já os atletas de alto nível devem consumir em torno de 2,4g por quilo corporal. Geralmente, o pó deve ser batido com 200ml a 300ml de água ou leite desnatado.
Excesso: É excretado nas fezes. Caso não se siga uma dieta balanceada, pode contribuir para o acúmulo de gordura.
Efeitos colaterais: Pode engordar se não for ingerida a dosagem correta ou se o uso não for acompanhado de uma dieta equilibrada. Em algumas pessoas pode provocar gases. A retenção de líquido também pode acontecer.

*Milena Nogueira é educadora física e trabalha como personal no Rio de Janeiro. É musa do carnaval e casada com o músico Diogo Nogueira, com quem tem dois filhos. Para saber mais sobre atividades físicas e como potencializar os resultados, escreva pra ela: milena@milenanogueira.com.br

Fonte:http://www.areah.com.br/Vibe/Treino/materia/70894/1/pagina_1/materia.aspx?key=uai

Postagens mais visitadas deste blog

APRENDA COMO FAZER CONTATO COM SEU ANJO E GUIAS ESPIRITUAIS - TEXTOS DE VÁRIOS AUTORES

PARA ONDE VAMOS QUANDO MORREMOS,SEGUNDO A DOUTRINA ESPÍRITA ?

O GATO NA MITOLOGIA SAGRADA EGÍPCIA