AS MAIS BELAS IMAGENS FEITAS PELA NASA

7931836878_89b6d5ebb3_z.jpg 

Em 31 de agosto de 2012, um longo filamento de material 
solar entrou em erupção no espaço as 04:36. 
Eis o resultado.

As mais belas imagens feitas pela NASA


A NASA é responsável por imagens de tirar o fôlego, nos mostrando a outra face de uma Terra que desconhecemos. É a contemplação da grandiosidade que nos cerca.

A NASA mantém um Flickr, se você não sabe, e é possível visualizar quase 5 mil imagens que foram captadas ao longo dos anos. Está que vos fala, selecionou algumas e sinceramente, vão ser as mais belas imagens que você já viu.
Quando pequena, sonhei em ser astronauta, como grande parcela dos adultos de hoje, quando descobri que era necessário regime, desisti - claro - então agora só me resta fazer isso: buscar imagens em dias de insônia.
Prepare o babador.
8240805973_2f20dcc823_z.jpg Nos confins meridionais da Birmânia (Myanmar), ao longo da fronteira com a Tailândia,se encontra o Arquipélago de Mergui. O arquipélago no mar de Andaman é composto por mais de 800 ilhas rodeadas por extensos recifes de coral. ( 2004 )
8247975848_6dee620360_z.jpg Esta imagem dos Estados Unidos da América foi composta dos dados obtidos pelo satélite Suomi NPP em abril e outubro de 2012.
8145694505_f67f7f7b3a_z.jpg Vista do norte da Península Antártica, imagens feitas durante o vôo de volta da Fundação Ice Stream, em outubro de 2008.
7651363718_6b6f587152_z.jpg Esta visualização mostra as correntes oceânicas de Kuroshio durante o período de junho de 2005 até dezembro de 2007, em Tokyo, Japão.
7630267988_1d7cb1eb90_z.jpg Imagem feita em 2002 no Alasca, no Delta Yukon, com ramificações que lembram vasos sanguíneos irrigando um órgão.
7118859115_e4e0cf49a7_z.jpg Agosto de 2000, Denali, Alasca. A vegetação e o gelo, formando um canal.
6049749461_96a11385b9_z.jpg As baías de Omulyakhska e Khromska se encontram no norte da Sibéria, no sudeste das Ilhas Lakhov. O Satélite capturou a imagem na cor original em 2009.
5880575519_c1933de8c1_z.jpg O Vulcão Nabro entrou em erupção em 2011. Ele está situado numa área remota, que fica entre a fronteira da Eitreia e Etiópia, na África.
5638320778_076e33a851_z.jpg Embora a imagem acima se assemelhe a uma pintura, é na verdade uma imagem de satélite das areias e algas nas Bahamas. A imagem foi tirada pelo Thematic Mapper Plus (ETM +), a bordo do satélite Landsat 7.
5638320238_5c71875d3d_z.jpg Ephemeral Lake Carnegie, na Austrália Ocidental. É possível ver está imagem apenas em períodos de chuvas significativas, na maior parte do tempo é apenas um local cheio de lama.
4691433768_dc0cf83f4a_z.jpg Esta cena foi adquirida em 24 de maio de 2002, pela Advanced Spaceborne Thermal Emission e Reflection Radiometer, a bordo do satélite Terra, da NASA. Este composto de cores falsas foi criado pela combinação de infravermelho, infravermelho próximo e vermelho (bandas ASTER 3, 2 ​​e 1). Quanto mais escuro o vermelho mostrado aqui, mais densa a vegetação do terreno. A iluminação de areas azuis/verdes mostram a superfície da terra nua. O Mar do Norte é preto nesta cena e as as cores azul claro e azul escuro são os sedimentos sendo levados para a superfície.
4691434810_fe1094c7b2_z.jpg Bamenjing Reservoir, Camarões, África, imagem capturada em 2011 pelo satélite Landsat-7.
4712104280_b2fb510759_z.jpg Vulcão Manam, em 2010, na Papua Nova Guiné.
4542423196_0f2612a19a_z.jpg Nuvem batizada de Cumulonimbus, na África, em 2010.
4404818798_13753a6bf7_z.jpg Himalaia, 2001.
  • Todas as imagens foram retiradas do Flickr da NASA.
  • Legendas com modificações e adaptações.


Fonte:http://lounge.obviousmag.org/nao_mataras/2014/01/