DECIDIR PELO AMOR - ROBERTO VELASCO





Decisões em nossas vidas nem sempre são fáceis de serem realizadas, muitas vezes encontramo-nos indecisos diante das opções que se apresentam e definir-se por uma ou por outra pode representar toda a diferença em nossas vidas.

Sabemos por experiências já desenvolvidas o quanto a escolha errada pode representar perdas e atribulações. Desta forma evidencia-se com maior necessidade a condição de optarmos pela decisão correta e adequada ao nosso propósito de vida.

A opção mais segura é sem dúvida aquela que se expressa pela manifestação do Amor como fonte única de movimentarmo-nos em nossas ações diárias. Mas quantos estão preparados para Amar, quantos? Pois não existe Amor pela metade, ou você ama ou não ama.

Amar é um sentimento que requer transparência, verdade, pureza e responsabilidade. O Amor esta contido em nossos corações como chama sustentadora de nosso ser, aquela freqüência que nos mantém conectados com o divino e nos remete a demonstrações de desprendimento e devoção.

Quando nosso coração Ama, ele estabelece uma sintonia mais apurada e intensa com a fonte, sentimos nosso cardíaco pulsar mais aceleradamente, ele se expande e sintoniza-nos com o poder da unidade em nossas vidas. Ao amarmos estamos enviando a mensagem à fonte que estamos a utilizar do poder da criação, pois o amor é a maior energia criadora do Universo.

Quando amamos assumimos uma responsabilidade nem sempre compreendida por todos, pois o ato de amar gera compromisso conosco e com o próximo. Neste momento estamos demonstrando a Deus que vive em nós, o quanto o amamos, exatamente por que Deus é Amor, portanto se nos servimos da energia maior de Deus que é o Amor como podemos negar ao nosso semelhante o mesmo sentimento que emprestamos a nós?

Muitos amam a seus filhos e demais familiares, mas tem uma dificuldade imensa em amar ao vizinho, ao balconista e a qualquer outra pessoa que não faça parte de seu núcleo familiar ou de relações mais próxima.

Pois bem, em minha compreensão este não é o verdadeiro sentimento de Amor, pois se estamos selecionando a quem dirigimos esta energia não estamos verdadeiramente amando, embora nesta e em todas as outras, Deus nos compreenda na extensão de nossas limitações.

Amar é entregar-se, compartilhar, acolher, é dividir infinitamente o que temos em nosso coração para todos e para tudo.
Como podemos Amar mais a um do que ao outro? Como?


Se eu Amo verdadeiramente não é possível escolher a quem direcionar meu amor, por um simples fato, eu sou no outro e o outro é em mim.

Talvez essa compreensão seja difícil de ser entendida por muitos em decorrência das experiências distintas que cada um gerou e seus sistemas de crenças e o ego que apontam para a separação, a segregação e a divisão.

O ano de 2012 aponta de maneira definitiva para uma nova idéia do que é Amar. Nesta idéia o ser humano passara a perceber ao outro com maior sintonia e empatia, deveremos usar de nosso aparelho psíquico voltado a encontrar percepções afins em nossos semelhantes e percebê-los tão merecedores da graça divina quanto concluímos que possamos merecer.

Convido a todos para que usem de seus corações para AMAREM, que usem suas ações para materializarem o AMOR, que gerem em seus pensamentos idéias de AMOR, que emocionem-se com a felicidade de AMAR, que tenham a coragem de AMAR, a humildade de permitirem-se serem AMADOS.

Vamos Amar, este é o maior antídoto contra o medo e a separação.

Vamos curar a nós mesmo e aos outros amando, direcionando esta energia como fonte de cura e elevação. A realidade que nos cerca é pródiga em nos oferecer informações constituídas de desequilíbrios e infelicidade, pois lhes afirmo, não precisamos nos concentrar nestes desequilíbrios e infelicidades.

Temos que modificar nossa postura diante da vida, e isto necessita que aconteça AGORA, não será amanhã, não vamos esperar que os outros façam aquilo que nós temos a competência e a coragem de fazer.

Desta forma, devemos nos posicionar diante dos eventos que não estão em ressonância com a energia do Amor, vamos reverter esta freqüência trabalhando para a cura, concentrando-nos na perfeição que a situação pode alcançar.

Para isto, deveremos nos dedicar a alterar o estado de desequilíbrio na qual a situação em questão manifesta.

Para tornar mais clara minha proposta, construo dois exemplos comuns em nossa sociedade.


1º Exemplo


“Quando o governo ou o senado estão na eminência de tomarem uma decisão que vai afetar negativamente a sociedade, poderemos reverter a direção provável da decisão.”


Como fazer isso?


Isto PODE ser feito quando trabalhamos com o poder do Amor sendo direcionado para que o Universo reverta para o sentido positivo a decisão que os governantes possam estar prestes a tomar de maneira errada.


Se formarmos um bloco consciente e consistente de pessoas que reconheçam o seu poder pessoal e tenham uma direção organizada com um propósito especifico e trabalhando metodicamente, disciplinadamente e de maneira responsável temos sim o poder de alterar o fluxo energético da decisão que seria erradamente consumada por tais governantes.

Aqui, estaríamos nos apoiando no bem comum, na construção de uma realidade que fosse qualificada e se prestasse a enriquecer a sociedade atendendo suas reais carências e não satisfazendo aos egos ou intenções escusas.


2º Exemplo



A situação aqui hipoteticamente criada como exemplo se direciona a outro fato comum em nossas vidas.

A perseguição de um chefe ou colega de trabalho que insista em prejudicar um individuo com constantes atitudes inconvenientes”
Como devemos proceder?



A primeira reação das pessoas seria a revolta acompanhada de desequilíbrio, depressão e desentendimentos. Normalmente se reagiria enfrentando a situação com as “armas” que se têm disponíveis de acordo com a situação.

Mas este é um procedimento errado, pois o único resultado que se alcançaria seria o recrudescimento da situação instalada.


Qual a atitude a ser tomada?


A primeira atitude a ser tomada é a conscientização por parte da pessoa perseguida de que há algum desequilíbrio entre ela e a pessoa com a qual a situação se instalou.Não podemos jamais nos isentar de observar que sempre atraímos as situações em nossas vidas, portanto o fato em desenvolvimento também teve a participação do perseguido. Diante desta compreensão não cabe aqui estabelecer a culpa sobre quem quer que seja, mas sim compreender que se faz necessário curar o desequilíbrio que tenha sido o motivo do desentendimento, mesmo que o motivo possa não ser reconhecido pelas partes. Mas tenha a convicção de que se há desequilíbrio, este foi causado por todas as partes envolvidas na situação.

Aceitando esta condição, o perseguido pode a partir daí procurar curar as energias que geraram esta situação, mesmo como já foi mencionado anteriormente sem que conheça as razões.


Como curar?


Devemos abandonar nosso ego que nos diz que somos vitima ou ainda que nos incite a reagir diante dos fatos.

A seguir, direcione com humildade, verdade, serenidade e paz a pessoa que o persegue a energia do Amor.

Sim, muito Amor, deseje que ela encontre a Paz, a Tranquilidade e o Entendimento para que a CURA possa ser realizada com a única energia não agressora, o AMOR.

Não esqueçamos que neste momento não somente a pessoa a quem se dirige a energia de Amor estará sendo curada, mas nós mesmos também estaremos nos curando, pois somos parte ativa neste desequilíbrio.

Direcione constantemente energias de Amor e Paz ao seu algoz, envolva-o com o seu coração, peça ajuda a Cristo, mas Ame verdadeiramente a esta pessoa, pois somente desta forma a cura se realiza de maneira equilibrada e dentro da Lei Divina. A energia do Amor é tão poderosa que ela vai modificando o padrão vibratório no qual a pessoa se encontra e o redireciona a uma frequência pautada pela concórdia, aceitação e Amor.

Os exemplos acima identificam situações desde o macro e micro realidades das quais estamos envolvidos, e em ambas as situações a cura perfeita se realiza com a mesma energia, o AMOR.

O ano de 2012 já é uma realidade para todos nós, mas esta realidade deve ser edificada sob uma nova consciência, a consciência do AMOR.

Que possamos resolver nossos problemas que se apresentarão com certeza em nossas vidas ao longo deste novo ano, mas que mudemos o foco de observação de como viver.

Que não mais vejamos os PROBLEMAS como problemas, que possamos passar a observá-los como oportunidades de experiênciar novas lições de vida no rumo de nosso aperfeiçoamento pessoal. Estas são oportunidades únicas, verdadeiras pérolas que não devemos desprezar, mas sim agradecer a Deus por nos permitir estar aqui vivendo este momento impar em nossas vidas.

Que o dia 1º de Janeiro de 2012 em nossas vidas possa ser o reconhecimento em nós de como é o viver AMANDO.

Que possamos SOLUCIONAR nossas experiências sempre com o Amor, mudemos nossos padrões envelhecidos pelo tempo e desgastados por tanta incompreensão. Desde o primeiro segundo de 2012 direcionem o Amor a tudo e a todos, em seus objetivos pessoais, profissionais, materiais, enfim em suas vidas, façam um contrato com a FELICIDADE que o AMOR sustenta em sua essência.

Desejando a todos um ano de muita Paz e Amor, repito minhas palavras acima já publicadas, mas que elas possam não somente expressar um sentimento, mas que os conecte com a verdadeira essência do AMOR EM SEUS CORAÇÕES.

“Convido a todos para que usem de seus corações para AMAREM, que usem suas ações para materializarem o AMOR, que gerem em seus pensamentos idéias de AMOR, que emocionem-se com a felicidade de AMAR, que tenham a coragem de AMAR, a humildade de permitirem-se serem AMADOS.”

E que DEUS nos envolva infinitamente em seu AMOR.

O Instituto consciência Adamantina deseja a toda a Família Adamantina um ano de Iluminação e Elevação da Consciência, da manifestação da Pureza do Amor, e que a Humanidade reconheça-se como um único corpo, um único coração, uma única consciência, que vibre em uma única energia, o AMOR.


Feliz 2012 Filhos de meu Pai.




FONTE:ROBERTO VELASCO

A transmutação e a expansão de sua consciência lhe concede a liberdade

Postagens mais visitadas deste blog

APRENDA COMO FAZER CONTATO COM SEU ANJO E GUIAS ESPIRITUAIS - TEXTOS DE VÁRIOS AUTORES

PARA ONDE VAMOS QUANDO MORREMOS,SEGUNDO A DOUTRINA ESPÍRITA ?

O GATO NA MITOLOGIA SAGRADA EGÍPCIA