AS NUVENS QUE ESCONDEM A FACE DA LUA SÃO SOPRADAS PELOS VENTOS-SAI BABA



“Quando as nuvens que escondem a face da lua são sopradas pelos ventos, a lua brilha clara e imperturbável; igualmente, quando as nuvens do egoísmo são sopradas para longe, a mente do homem brilhará pura e completa, com seu esplendor natural. Esse é o estágio da bem-aventurança onde a dor deixa de existir. Onde existe luz, a escuridão não pode existir. A lâmpada da sabedoria (Jnana), uma vez acesa nunca morre, desvanece ou pisca. A felicidade (ananda) e a paz (shanti) que os homens buscam a partir dos objetos do mundo, solicitados por seus sentidos, tremulam e em breve desaparecem e morrem. Elas apenas satisfazem momentaneamente os anseios insensatos da pessoa. Elas são alcançadas pela luxúria, ira, ódio e inveja, e assim são falsas e inconstantes. Controle e conquiste essas emoções; só então você pode adquirir Ananda e Shanthi verdadeiras. Essas não desaparecem nem tremulam. Você não só pode adquiri-las, você pode de fato tornar-se elas.”

       Sai Baba