domingo, 3 de julho de 2011

TATUAGENS E SEUS SIGNIFICADOS





Para muitas pessoas, a tatuagem está além de um adorno.
Carregados de significado, os desenhos podem representar desde escolhas religiosas até fatos marcantes na vida de uma pessoa.
Akemi Higashi, tatuadora especialista em Old School do estúdio Led’s Tattoo, conta que os desenhos variam, mas a maioria das tattoos que faz tem estilo oriental. "As mulheres gostam muito de flores como peônia, que simbolizam riqueza e prosperidade, e os homens tatuam muitas figuram como samurais, dragões e carpas".
Além de significados gerais, há também as tatuagens que significam algo a apenas uma pessoa, ou, quem sabe, a grupo específico. O também tatuador Carlinhos, do Scorpions Tattoo Studio, conta que já tatuou famílias inteiras.
"Duas irmãs e o pai fizeram uma frase que o irmão delas havia escrito e queria tatuar, mas aconteceu um acidente, o rapaz faleceu. Fizeram a tatuagem em homenagem ao irmão e acrescentaram a assinatura dele na tatuagem", relata Carlinhos.
Akemi completa, dizendo que frases e nomes são as mais tatuadas. "Mas existem varias, até mesmo motivos supersticiosos e religiosos. Algumas marcam grandes mudanças e momentos de muita dor".
Falando em superstição, a tatuadora revela não acreditar muito, mas pondera: "Acho que tudo que a gente acredita pode acontecer. Se a nossa mente se fixa em algo negativo ou espera por isso, acho que pode acontecer, mas não por causa da tattoo".
Apesar de, hoje em dia, as pessoas estarem mais ligadas à simbologia dos desenhos, nem todos se preocupam muito. Tanto Akemi quanto Carlinhos concordam em dizer que a mídia tem papel extremamente influente na escolha da tatuagem. "Acho que para não se tatuarem sem um motivo, as pessoas procuram um significado e se identificam com ele, mas também há a questão da influência da mídia, quando algum artista aparece com certa tatuagem, as pessoas querem ter algo parecido", explana o tatuador.
"Por exemplo, a tattoo do ator Dwayne Johnson, mais conhecido como ‘The Rock’, tem todo um simbolismo para ele que é daquela cultura polinésia. Conta a vida dele e, mesmo assim, as pessoas querem igualzinho. Acho extremamente fútil e sem criatividade", exemplifica Akemi.
Outro elemento a ser analisado é o contexto de um desenho. Ambos profissionais conhecem casos de alguém que se meteu em maus lençóis com sua tatuagem. "Tenho um cliente que tatuou uma Estrela de Davi na mão e foi morar num país com um tipo de religião e cultura que vai contra. Ele teve problemas com isso e vai retirar a tattoo", relata Akemi. E acrescenta: "A Hamsá (ou mão de Fátima, usado por praticantes do Judaísmo e do Islão como um amuleto contra mau-olhado), também é um elemento religioso, então pode causar desconfortos em casos como o descrito acima."
"Já vi casos de pessoas tatuarem um crânio com uma faca cravada e depois descobrir que esse tipo de desenho significa que o cara é matador de polícia; ou tatuar palhaço que também não é desenho bem visto por policiais", narra Carlinhos.
Acima dos significados gerais, a pessoa deve ter consciência de que a tatuagem fará parte de seu corpo. Assim, todo cuidado é pouco. Os profissionais podem ajudá-lo na escolha, alertando o cliente sobre o que determinado desenho significa.
Confira o significado de alguns desenhos, segundo Akemi Higashi, tatuadora do Led’s Tattoo, e Carlinhos, do Scorpions Tattoo Studio:
Águia: símbolo da guerra e da estratégia. Para os índios americanos, a águia simboliza o poder e a sabedoria.
Âncora: uma âncora é utilizada para dar segurança ao um navio, impedir que ele fique à deriva. Para os marinheiros em geral, uma âncora simboliza segurança, um abrigo seguro, o caminho de volta para casa. No plano espiritual, a âncora representa a salvação e a esperança.
Anjos: o significado original dos anjos os aponta como mensageiros divinos, aqueles que trazem as mensagens de Deus aos homens. Podem significar proteção e protetor, criança educada e acomodada como um verdadeiro "anjinho", ou mesmo uma pessoa repleta de virtudes. Vale lembrar que existem anjos do mau, tendo, nesse caso, o significado ao contrário dos anjos de Deus.
Beija-flor: mensageiro da cura, amor romântico, claridade, graça, sorte e suavidade.
Borboleta: símbolo da liberdade e da metamorfose ou transformação. Na China, ela representa alegria e felicidade no casamento.
Búfalo: se pensarmos o quanto era importante para os índios americanos uma manada de búfalos, podemos chegar à conclusão de que o búfalo representa a abundância e a fartura para os dias de hoje e para o amanhã.
Carrancas: protegem do mau-olhado
Carpa \'subindo\': quem a tatua tem perseverança e está em busca de atingir seus objetivos.
Carpa \'descendo\': seu objetivo foi alcançado e tem discernimento para mantê-los.
Cavalo: poder interior, liberdade de espírito, viagem xamânica, força e clarividência.
Cobra: transmutação, cura, regeneração, sabedoria, psiquismo e sensualidade.
Cruz: normalmente de simbologia religiosa, as tatuagens de cruz representam na cultura pagã o equilíbrio das forças da natureza. Para os cristãos representam o amor e o sacrifício por amor.
Como conotação negativa, se coloca a cruz de cabeça para baixo, representando o desejo de coisas materiais, o materialismo em si. Como se o indivíduo tivesse a cabeça voltada para a terra em detrimento das coisas celestes.
Coração: o significado de tatuagens de coração pode variar entre amor, paixão, amizade, religiosidade, misticismo ou mesmo decepção no amor e uma mágoa causada por paixão rompida. O
Coração com punhal representa normalmente uma forte mágoa ou perda de algum ente querido. O coração rachado é símbolo claro de um amor que o magoou, ou traiu.
Corrente: quando as correntes se apresentam inteiras elas simbolizam vínculos, seja com a família ou a religião, ou mesmo coisas materiais e psíquicas. Quando as correntes aparecem quebradas, simbolizam a liberdade de um determinado aprisionamento, seja ele físico, mental ou espiritual.
Dragão: simboliza nobreza, magia, transformação, imaginação, perseverança, lealdade.
O dragão representa também a coragem, o dever e honra. Os Dragões representam os quatro elementos: ar, água, terra e fogo. Dependendo da cultura, o dragão pode representar seres bons ou malévolos.
Verde: equilíbrio, justiça;
Preto: nobreza, mistério;
Vermelho: energia;
Marrom: força;
Laranja: luxúria;
Azul: paz de espírito;
Amarelo: sabedoria.
Estrelas: o significado de uma tatuagem de estrela é amplo e variado. Podem representar a sorte em forma de amuleto ou patuá, simbolizando a estrela-guia que protege e conduz.
Uma estrela pode também ter conotação religiosa, como é o caso da estrela de David e dos pentagramas usado na magia negra. A estrela Náutica normalmente é relacionada a viagens, aventuras e o desconhecido.
Fadas: o significado geral das tatuagens de fadas é a personificação dos desejos humanos, símbolo da eterna juventude, desejo de manter-se criança. A palavra fada, vem do latim fata, que significa destino. As fadas são uma espécie de amuleto, que protege o presente e o futuro do indivíduo.
Fênix: renascimento.
Flecha: as flechas são na mitologia grega e romana uma mensagem dos Deuses para indicar um destino sacramentado e imutável. Uma tatuagem de coração com uma flecha, nos indica que o indivíduo foi alvejado pelo Deus Eros (cupido), que o destinou a amar determinada pessoa.
Gato: mistérios, poderes, mágicos, sensualidade, independência, visões místicas e limpeza.
Golfinhos: pureza, iluminação do ser, sabedoria, paz, amor, harmonia e comunicação
Lua: símbolo do feminino . A Lua representa renascimento, regeneração e poderes mentais.
Machado: o machado sozinho simboliza o triunfo da justiça sobre a força. O machado duplo representa sua boa vontade em ver como você realmente é. O machado duplo também foi adotado pelas feministas como símbolo de sua luta pela igualdade.
Maçã: significado global do pecado, do desejo de pecar, ou ainda a busca incansável pela sabedoria.
Morcego: no Oriente o morcego representa a longevidade e a felicidade. No oeste, o morcego significa mistério, o lado escuro do ser humano. Simboliza também a capacidade de ver a verdade e mudar o que tem de errado em si próprio. Recentemente o morcego, através da figura do Batman, pode representar a justiça e a capacidade de fazê-las com as próprias mãos. Justiceiro.
Mordida: tatuagem com boca mostrando o dente, mordendo algo, ou mesmo tatuagem da pele sendo rasgada mostrando um outro desenho, representam pessoas sinceras que costumam falar a verdade acima de tudo.
Ossos: representam o alicerce ou a base que sustenta. Costumam também representar a resistência, a capacidade de suportar os fardos mais pesados que a vida é capaz de lhe dar.
Pássaro: seres que possuem asas sempre simbolizam uma viagem espiritual. O pássaro normalmente significa a liberdade, a capacidade deixar para trás uma situação ruim.
Pássaros pretos ou negros normalmente simbolizam o azar.
Pássaros amarelos significam sorte.
Pássaros vermelhos tem como simbologia o sucesso.
Pássaro azul representam a cura de uma enfermidade tanto física quanto espiritual, representam também o mensageiro.
Pássaro branco representa a Paz.
Rosa: representa a paixão e a perfeição no romance. Dedicada a Vênus, a Deusa do amor.
Rosa branca significa branco é pureza,
Rosa vermelha simboliza paixão
Rosa cor de rosa representa o amor saudável, idílico e puro, como o de uma mãe e filho.
Rosa amarela é o símbolo da amizade e da capacidade de comunicação.
Rosa azul é o desejo de atingir o impossível, devido à raridade.
Rosa dourada simboliza os sonhos e desejos humanos.
Sakuras: delicadeza e harmonia.
Sangue: significa vida, sacrifício, ferimento, mágoa.
Tigre: aproximação lenta, preparação cuidadosa e aproveitamento de oportunidade

Touro: simboliza o sagrado. Pode representar o céu, terra, a lua e o sol. O touro é também o símbolo da virilidade, fertilidade, potência e força. Significando também o poder e da coragem.
Urso: simboliza o homem selvagem, rude que não se apega às regras da civilização moderna. Por ser tão independente em suas regras, o urso tem um código de ética próprio, com ações positivas ou negativas, para o bem ou para o mal, que só ele entende.
Fonte :  Ana Paula de Araujo (MBPress)

As tatuagens são expressões artísticas primitivas, havendo registros muito antigos que datam da Idade da Pedra (12000 a.C.). As tatuagens permaneceram populares em muitas culturas e continentes. Embora a maioria dos estudos psicológicos de pessoas com tatuagens tenha ficado restrita a pacientes psiquiátricos internados, a prisioneiros em institutos correcionais e a pessoal militar (assim refletindo somente populações específicas), uma conclusão comum é que, de todos os motivos para fazer uma tatuagem, a busca da identidade pessoal é algo central. A pele serve de lona útil sobre a qual se retratam declarações de individualidade, sexualidade, bens, machismo, frustração, tédio e raiva. No entanto, a busca de identidade pelos adolescentes costuma tornar-se irrelevante ou embaraçosa aos 40 anos, e 50% ou mais dos indivíduos mais tarde lamentam suas tatuagens.
As múmias egípcias de 4000 a.C. mostram evidências de tentativas de remoção de tatuagens. No entanto, como a maioria das pessoas vive o momento presente, e não a antecipação de empreendimentos futuros, as tatuagens continuam populares. Dados não publicados das companhias que desenvolvem lasers indicam que, em homens adultos, 9% a 11% nos EUA têm tatuagens e 50 mil a 100 mil mulheres buscam ativamente as tatuagens como arte corporal a cada ano. Em geral, as tatuagens não são bem recebidas pelo público e costumam criar uma barreira ao emprego. Os indivíduos tatuados costumam ser enxergados como anti-sociais, agressivos ou imaturos, assim incapazes de aceitar ordens e ser controlados.