COMO SER UM BOM MAGO


Como Ser um Bom Mago
                                                                            
by Angelina

Nesse nosso novo encontro vou falar dos princípios de um mago. Irei falar de cada um deles e tentar explica-los. Mais não esperem todas as respostas... muitas das coisas vocês terão que descobrir por seus próprios meios, já que terão que trilhar seus próprios caminhos...São quatro princípios básicos ou primários: 
1) Saber
2) Querer
3) Ousar 
4) Calar

Os outros princípios (ou princípios secundários se assim quiserem chamar) são as combinações feitas entre eles, como: Saber Querer, Saber é Querer, Saber Ousar, Saber é Ousar, Saber Calar, Saber é Calar, Querer Saber, Ousar Querer, Querer Calar, e assim vai...
Então prestem bastante atenção, pois isso só mostra que existe ligação em tudo.
Ultimamente tenho me confrontado muito com esses princípios básicos... Penso, que na verdade nos embananamos com o que de fato queremos, nos damos conta de que pouco sabemos, temos medo ou receio de ousar e definitivamente é difícil calar.

1) Saber: Quantos de nós se perguntam diariamente ou de tempos em tempos o que sabem? Quantas vezes nos perguntamos "eu sei?"? Não importa o que vem depois do "eu sei", pode ser: "eu sei quem sou?", "eu sei o que eu sou?", "eu sei a arte?", "eu sei qual é o meu caminho?" ou pode ser as variáveis como: "o que eu sei?", "o que eu preciso saber?", ...
O importante é ter a consciência do Saber, saber não é só saber, (nossa que horrível... rs) saber é sentir, é deixar fluir !!! (Platão, doce Platão, quem desconfiava que ele não sabia nada de Magia se enganou completamente...) E quando deixamos fluir? Quando nos deixamos guiar pelo que sentimos??? Será que de fato precisamos seguir certas coisas? Precisamos seguir velhas receitas? Ou devemos seguir nossos corações? Nossos sentimentos, instintos, nosso Saber interior?
Por favor não pensem que estou tentando acabar com as suas crenças, só digo que independente de no que vocês crêem isso não faz você ser melhor ou pior do que ninguém, estou só tentando pensar e esclarecer, e tentando ajudar a quem ainda não encontrou o seu caminho. 
Eu definitivamente acredito que não existem "receitas de bolo" na Magia. E o Saber está ai justamente para nos ajudar nesse ponto. Se não o entendermos não podemos passar para os princípios seguintes. 
Devemos pensar na realidade. Devemos questionar o que ela é. O que é real para mim, certamente não é para vocês. Fê, você que gosta de "Ilusões" de Richard Bach, deve lembrar e entender a passagem onde é perguntado a Richard quantas pessoas existem em seu mundo. Lembra? 
Se eu pergunto a vocês quantas pessoas existem no mundo e vocês respondem: "sei lá, 6 milhões", devo dizer que está errado, pois no meu mundo existo eu e no de vocês, vocês. Logo temos 6 milhões de mundos diferentes e 6 milhões de realidades diferentes. 
Aonde quero chegar? Espero que vocês estejam me acompanhando (mas acompanhando mesmo, acompanhando todas as mensagens que venho colocando aqui no clube), o mago (ou bruxo(a) ou feiticeiro(a)) mexem com a sua realidade. A mágika é a vontade do magista em moldar a sua realidade. Afinal para que fazemos feitiços? Para quem discorda, pergunto: se você nunca pensou nisso ou nunca pensou sobre isso, como pode discordar? E como pode fazer feitiços, rituais ou encantamentos? 
O Saber vem para nos auxiliar nos momentos de dúvida. O Saber nos ensina como usar e para que usar o que temos. Nossos dons. Nossa vontade. 
"Em cada Livro Consagrado, por cada um de seus Magos, seus sinais e símbolos são totalmente diferentes. E cada uma das operações citadas nos Grimoires se refere aos puros desejos de seus autores, no mais alto grau do discurso inteligente dos respectivos pensamentos cósmicos. 

Devemos lembrar que o exercício da palavra é do mais alto interesse do Iniciado, na relação direta com a forca de sua Vontade pensada.
A única diferença que o Iniciado poderá encontrar durante as operações da palavra é tê-la cortada por uma violenta emoção. E é por isso que, antes de praticar as operações, o Iniciado deve ter bastante domínio sobre o seu Ser instintivo, impulsivo. O poder de concentração é essencial para se evitar acidentes que podem trazer conseqüências às vezes, temporariamente, irreversíveis." Trecho retirado do livro: "Iniciação à Magia" - Jackson Saboia. 
Devemos Saber nos conhecer, ao meu ver, antes de qualquer outra coisa. A Magia, a real Magia, não é um brinquedo, não é como nos livros do Harry Potter (apesar de gostar dele...), não é. Se alguém ainda tem alguma fantasia em quanto a isso... melhor colocar os pés no chão.

Por isso que tenho falado do equilíbrio, dos desejos. Está tudo ligado. Tudo está conectado. De uma forma ou de outra. Sempre. 
"Para conhecer um homem, dê-lhe o poder". Esse tipo de coisa mexe com as pessoas. E eu acho, que já está todo mundo aqui bem grandinho para saber no que está se metendo. É algo para se ter cuidado, muito cuidado. 
Acho que agora já posso passar para o segundo principio... os outros são mais rápidos. 
2) Querer: Quantas vezes temos certeza do que queremos? Eu sou muito "de lua", eu quase nunca sei o que eu quero. Quantos aqui também não são assim? É difícil tomar certas decisões. Eu sei. Todo mundo sabe disso. Mas tantas vezes fazemos o exato oposto do que queremos?
Querer é muito mais do que saber o que se quer fazer num dia, num final de semana. Querer é sentir dentro de você a vontade palpitando. É dar ouvidos aos instintos. É ouvir o coração. 
E isso não é o Saber? Então como podemos querer ir direto para o Querer se não sabemos o que é Saber? (isso de fato ficou horrendo... perdoem a minha falta de jeito com as palavras...) 
Podem me explicar agora como alguém pode ser capaz de querer enfeitiçar outro ser humano para obter amor? Como podemos saber se vamos continuar querendo essa pessoa depois de um tempo? Um feitiço não é algo fácil de quebrar... e se eu não me engano já falei sobre isso também...
O Querer deve estar em perfeita harmonia com o Saber. Pois após termos a sabedoria para usar, temos que saber no que usar e para isso precisamos da Vontade. 
E o que é a Vontade? É o Querer. 
A Força de Vontade é uma força muito poderosa, nos ajuda a lutar, batalhar até conseguirmos o que queremos. Mas será que temos a sabedoria para Querer? 
Como saber se queremos a coisa certa? Como a realidade é relativa, o certo e o errado também o são. Certo e errado são apenas pontos de vistas diferentes, que mudam de pessoa para pessoa, de ocasião para ocasião. 

Se queremos alguma coisa só quem poderá dizer se é certo ou não é o nosso Saber. Por isso que temos que ir devagar. Dando um passo após o outro. Tudo tem seu tempo. Querer é Saber e para isso temos que Saber Querer. 
3) Ousar: Quantas vezes ousamos? Serio!!! Eu sou muito medrosa, mas medrosa mesmo, sempre tenho medo de tentar, de falhar. E quantos não passam por isso? Medo é algo normal, é natural temer o fracasso. Ninguém quer fracassar. Todos querem o sucesso. Querem um lugar ao sol. 
Muitas vezes nem Ousamos ser diferentes... mas não podemos misturar ou confundir o Ousar com o mascarar. E nós mascaramos. Nos mascaramos. Mascaramos a realidade ou invés de alterá-la com a nossa Magia. Mascaramos porque é mais fácil. Porque não tem erro. Porque assim não vamos falhar.
ERRADO!!! Só aprendemos errando. Temos que errar. E errar feio para podermos um dia acertar. Temos que Ousar, para podermos acertar. A Ousadia é uma qualidade que não recebe nossa atenção. Eu sou uma das que vai quebrar a cara milhares de vezes. E tenho que parar de temer isso.
Se tentamos ser Ousados em nossas vidas logo somos rotulados, com nós mulheres então... acabamos passando por fáceis, galinhas, ... podemos até ser desrespeitadas pelo simples fato de Ousarmos, mesmo que não tenha nenhuma ligação com a sexualidade. 
Eu não sei o que passa pela cabeça dos homens (e acho que nem gostaria de saber, o mundo deixaria de ser tão interessante... rs) mas sei que eles também tem medo de Ousar. Até para convidar uma garota para sair ou oferecer um drink.
Queremos sempre parecer bem sucedidos mais não Ousamos ser. E temos que fazê-lo. Não só para nos sairmos bem no mundo mágiko. Mas acima de tudo, nos sairmos bem na vida!!!
4) Calar: Nossa... esse sem duvida é o mais difícil... todos nós temos algo chamado "ego" que quer ser reconhecido, que quer ser elogiado. Bajulado. Massageado. Temido. Ou até mesmo venerado. Isso é ser humano.
Mesmo que tenhamos boas intenções e desejemos compartilhar experiências, não conseguimos Calar. Porque temos uma coisa, uma vontadezinha que persiste em contar ao outro, nem que seja só para uma pessoa, mas não Calamos.
Esse é um principio que eu não posso comentar. Pois estou sempre tagarelando, se bem que até posso, já que não fico espalhando meus feitos por ai. No entanto, estou sempre atras de dividir minhas experiências, estou sempre tentando ajudar e crescer. 

Isso porque somos humanos e queremos companhia. Queremos falar. Queremos mostrar ao outro o que sabemos e queremos que o outro nos mostre o que sabe. 
Calar é difícil, mas a verdade é que nem tentamos. E pelo menos eu não sei se concordo com isso. Falar as vezes ajuda o outro a se preparar. Temos tanto a ver. Tanto a descobrir. Devemos conversar.

Porém, temos que Calar. Calar no sentido de não nos gabarmos. Não espalharmos nossos feitos. Podemos e devemos sim conversar, dialogar, compartilhar. Mas nunca falar nossos feitos. Por que? Porque ninguém é melhor do que ninguém. O que eu consigo, se você não consegue, um dia conseguirá.
Todos nós temos as mesmas condições de aprender as mesmas coisas, só depende do empenho de cada um. Só depende do Saber, do Querer e do Ousar. O Calar vem por ultimo, justamente para nos recolhermos e não nos exaltarmos. 
Temos que Calar para manter o delicado equilíbrio da vida.

Até a próxima,
Angelina®
Pratiquem a Paz, mas procurem Saber a Paz, Querer a Paz, Ousar ter a Paz e Calar, para se maravilharem com ela. Certas coisas não precisam de palavras. 
 
 


FIM
.

 
Para ir ao site do Imagicklan
 
 
Imagiclan - A Irmandade das Estrelas
imagicklan@imagick.org.br
(11) 3813.4123

Postagens mais visitadas deste blog

APRENDA COMO FAZER CONTATO COM SEU ANJO E GUIAS ESPIRITUAIS - TEXTOS DE VÁRIOS AUTORES

PARA ONDE VAMOS QUANDO MORREMOS,SEGUNDO A DOUTRINA ESPÍRITA ?

O GATO NA MITOLOGIA SAGRADA EGÍPCIA